sábado, 31 de março de 2012

[Mangá/Anime]: NANA

Nana é um mangá/anime do estilo Josei (Shoujo só que voltado para adultos) da autora Ai Yazawa (a mesma do mangá/anime Paradise Kiss) e para quem não sabe, Nana significa o número 7, em japonês. O anime possui 47 episódios e Nana também foi adaptado em dois live-action (Nana e Nana 2).

Nana é o nome das duas protagonistas e ambas têm 20 anos. Elas se conhecem no trem em rumo a Tokyo e acabam tornando-se amigas, apesar de serem bastante diferentes. Nana Oosaki é uma cantora de rock, sua infância não foi nada fácil tornando-se uma mulher independente e seu sonho é tornar sua banda Blast (Black Stones), a mais famosas de todas, logo ela vai para Tokyo em rumo ao sucesso. Nana Komatsu ou Hachi, seu apelido (tradução: Oito, em japonês) é uma garota ingenua, extrovertida, apaixonada, dependente demais e vai para Tokyo ao encontro do seu namorado Shoji. Nisso, ela vai ter que ir atrás de um emprego para se estabelecer em Tokyo e resolver sua situação amorosa. Em busca de algum lugar para morar e barato, as Nana's acabam morando no mesmo apartamento.

Continue Lendo

quinta-feira, 29 de março de 2012

#PROMO O Lance88 e o Dear Book sorteiam um "Box da Trilogia Jogos Vorazes" - Via Rafflecopter

Que tal ganhar um box com os três livros da trilogia mais comentada do momento? O Lance88 e o Dear Book lhe dão essa oportunidade! ^^

Ainda não conhece o livro? Leia a resenha do primeiro aqui!

Para participar é muito fácil, basta seguir as seguintes regras:

Continue Lendo

Novidades da Semana #32

Gente, vocês devem estar querendo me matar por causa desses atrasos constantes, não é? Eu sei. Essa minha rotina desse ano está realmente uma loucura, eu não consigo me organizar DE JEITO NENHUM!!!
Enfim. O que vocês fizeram de bom? ALGUÉM AÍ JÁ ASSISTIU JOGOS VORAZES???? *O* Espero que estejam bem preparados para o post, porque tem muuuuita coisa, tá? Não é lindo? Olhem só...


Sirensong (Faeriewalker #3) - Jenna Black

A editora Universo dos Livros divulgou a capa do terceiro volume da série Faeriewalker (que ficou incrivelmente top, vamos combinar...). Essa série, que vem arrebatando muitos bookaholic por aí (menos eu, que ainda não li, né?! ¬¬'). Todos esperam, acredito, que o livro seja tão emocionante quanto os outros dois (só quem leu... QUE NÃO FUI EU, como disse antes...). Então, vamos ver?
Sinopse:
Neste volume, Dana é convidada a ir a Faerie para ser oficialmente apresentada à Corte Seelie. Porém, Titânia, a rainha, a quer morta. O convite não pode ser recusado e Dana, seu pai e seus amigos rumam a uma viagem cercada... Leia o restante da sinopse aqui...


Deusa da Rosa (Goddess #3) - P.C. Cast

A sensação dos romances teen, autora de The House of Night em parceria com sua filha Kristin, está chegando ao Brasil com outro romance de sua série sobre Deusas (e eu preciso ler Destinada lahlahlah...) Como nós já vimos antes, a escrita da P.C. puxa bastante para o feminismo, mas ela é incrível manipulando mitologias de vários lugares... O que será que esse livro nos reserva? Vamos conferir.
Sinopse:
Não é um dedo verde que mantém as rosas da família Empousai desabrochando há séculos, mas sim as gotas de sangue que suas mulheres derramam em segredo por seus jardins. Mikki, entretanto, prefere esquecer essa peculiaridade e levar uma vida normal. Até o dia em que, sem querer, realiza um ritual e acaba num reino estranhamente familiar: o Reino das Rosas. De acordo com Hécate, a deusa desse reino, Mikki possui o sangue de uma alta sacerdotisa correndo nas veias, e o Reino das Rosas já esperava por ela. Em um acesso de raiva, que Hécate teve há muito tempo, ela... Continue a ler aqui.


Desperta ao Amanhecer (Acampamento Shadow Falls #2) - C.C. Hunter

Sim, para quem leu Nascida à Meia-Noite e já estava DESESPELOUCO* pela continuação... Essa é uma ótima novidade! A editora Jangada já está lançando o segundo volume dessa aclamada série que eu também não li. Eu, particularmente e apesar de tudo, gostei da capa... achei linda *--* Agora é só ver se vai seguir o esquema do primeiro, não é?
Sinopse:
Kylie anseia por descobrir sua própria identidade sobrenatural e o que seus poderes significam. Agora ela vai precisar deles mais do que nunca, porque está sendo assombrada por outro espírito, que insiste em dizer que alguém que ela ama morrerá antes do final do verão. Se ao menos Kylie soubesse quem ela precisa salvar e como... Mas a maior causa de seus problemas são os dilemas do coração. Kylie sabe que... Leia mais aqui.


Equinócio: A Primavera - Lu Piras

A autora brasileira Lu Piras finalmente conseguiu uma editora para o livro dela! Nós do Dear Book já havíamos colocado o livro com capa "provisória" por aqui, mas agora a Lu assinou com a Dracaena e vai publicar por lá. O livro ainda não tem previsão de lançamento, mas vocês não vão precisar esperar muito, não... A capa oficial já foi liberada (essa mesma aí do lado), e é PERFEITA! GAMEI TOTAL! Preciso ler esse livro, só por essa capa. G.G
Sinopse:
A cidade do Rio de Janeiro é o pano de fundo onde a estudante de medicina Clara vive sua rotina diária com a família e amigos. O que ela não imaginava é que tudo o que acreditava estivesse prestes a mudar, com a visita inusitada de um anjo. As força do mal ameaçam escravizar a raça humana e, para impedir, o anjo da guarda Nath-Aniel (Nate) vem à Terra, disfarçado de humano, para alertar sua protegida Clara de que sua vida está em risco. Proibido de agir em nome dos... Continue a ler a sinopse aqui.


O Trono do Sol: A Mágica da Alvorada - S.L. Farrel

Um lançamento da editora Leya que promete ser outro fenômeno no mundo dos livros épicos, com comentário de GEORGE MARTIN (As Crônicas do Gelo e do Fogo), não é para qualquer um, não. O livro é o primeiro da série O Ciclo Nessântico, portanto esperem várias emoções. Vamos dar uma olhada?
Sinopse:
Nessântico – terra de luxúria e perigos, que durante séculos influenciou povos além de suas fronteiras. Uma cidade forte, sedutora, e que mesmo sob o efeito do comércio e da guerra abriga intelectuais, ricos e poderosos de todo o país. Um lugar muito invejado, e por isso as coisas estão prestes a mudar. Governada por Marguerite ca'Ludovici, que agora prepara-se para celebrar seu Jubileu e passar o seu legado para seu filho Justi, enquanto Jan ca'Vörl, um poderoso nobre, tenta armar uma rebelião. Archigos Dhosti ca'Millac, líder da Fé de Concénzia e aliado de Marguerite, luta para controlar fundamentalistas como Orlandi ca'Cellibrecca , enquanto eles clamam por... Para ler mais da sinopse, clique aqui.


Travessia (Destino #2) - Ally Condie

Continuação de Destino, um livro distópico cheio de mistérios, Travessia (em inglês, Crossed) estará sendo lançado logo mais pela Suma das Letras. O livro promete esclarecer e desenvolver vários pontos deixados em aberto no primeiro livro. Pelo menos é isso o que os que já leram esperam. Vamos ver?
Sinopse:
Em busca de um futuro que pode não existir e tendo que ecidir com quem compartilhá-lo, a jornada de Cassia às Províncias Exteriores em busca de Ky – levado pela Sociedade para uma morte certa –, mas descobre que ele escapou, deixando uma série de pistas pelo caminho. A busca de Cassia a leva a questionar o que é mais importante para ela, mesmo quando vislumbra um diferente tipo de vida além das fronteiras. Mas, à medida que Cassia tem certeza sobre... Continuar a ler a sinopse aqui.


O Clã dos Magos - Trudi Canavan

A editora Novo Conceito traz para nós um lançamento incrível, com uma capa que, sinceramente, já me cativou. ADORO personagens de capuz assim, ainda mais com esse ar misterioso, sem mostrar o rosto... Incrível! ^^ E vocês? O livro tem tudo para ser um sucesso, inclusive um enredo para lá de interessante. Let's see.
Sinopse:
Todos os anos, os magos de Imardin reúnem-se para purifi car as ruas da cidade dos pedintes, criminosos e vagabundos. Mestres das disciplinas de magia, sabem que ninguém pode opor-se a eles. No entanto, seu escudo protetor não é tão impenetrável quanto acreditam. Enquanto a multidão é expurgada da cidade, uma jovem garota de rua, furiosa com o tratamento dispensado pelas autoridades a sua família e amigos, atira uma pedra ao escudo protetor, colocando nisso toda a... Leia mais aqui.

E tem ainda o book trailer. Estão a fim de conferir??





A Casa das Orquídeas - Lucinda Riley

Para aumentar a nossa já enormimensa lista de romances lindos-suspirantes-lacrimejantes e isso tudo, a Novo Conceito (líder nesse tipo de coisa, é o que parece) deve pretender mesmo nos levar às lágrimas. A Casa das Orquídeas, novo romance publicado pela editora, se encaixa perfeitamente nesse perfil, só de OLHAR para a capa. E a sinopse não ajuda muito também. É isso: EU PRECISO LER. G_G
Sinopse:
Quando criança, a pianista Júlia Forrester passava seu tempo na estufa da propriedade de Wharton Park, onde flores exóticas cultivadas pelo seu avô nasciam e morriam com as estações. Agora, recuperando-se de uma tragédia na família, ela busca mais uma vez o conforto de Wharton Park, recém-herdada por Kit Crawford, um homem carismático que também tem uma história triste. No entanto, quando um antigo diário é encontrado durante... Leia o restante da sinopse aqui.

É, ele também tem book trailer. Olhem só:

Encanto (Sereia #2) - Tricia Rayburn
Seguindo mais ou menos o estilo da capa do primeiro livro (bem para menos, na minha opinião...enfim), chega até nós o segundo volume da série Sereia. Pelo que eu ouvi (porque TAMBÉM NÃO LI ESSE ¬¬'), o primeiro livro deixa pontas soltas, portanto devo concluir que vocês querem a continuação. Certo? Ou não?
Sinopse:
Nada tem sido normal na vida de Vanessa desde que ela descobriu que sua irmã foi morta pelas sereias - mulheres fatais das profundezas marinhas - e que tudo que sabia sobre sua família era falso. Seu namorado, Simon, sempre foi o porto seguro de Vanessa, mas agora ele está de volta à faculdade numa cidade distante, e ela acaba se envolvendo com o lindo e popular Parker, seu colega de escola. Repensando seu relacionamento com Simon e incerta sobre as intenções de Parker - e sobre as suas em relação a ele -, ela está mais perdida do que nunca. Assustada com tudo que vem... Leia mais clicando aqui.


A Missão (Mundo em Caos #2) - Patrick Ness

Antes de tudo, algumas observações... AIMEUDEUS! EU TENHO QUE LER O PRIMEIRO LIVRO, EU TE-NHO!!! É UMA NECESSIDADE PATOLÓGIA!!!!!!!
Ok, agora que o chilique passou... A continuação do livro O Motivo, de Patrick Ness, vai finalmente sair aqui no Brasil, para o alívio dos fãs assíduos, e dos desesperados por ler a série (o/). Alguém quer me dar de presente? Vamos lá...
Sinopse:
Todd Hewitt é um garoto de doze, o último menino de Prentisstown, uma cidade de homens, Ele vive em um mundo cheio de "ruído" em que os pensamentos privados de todo homem e animal são audíveis. Em um mês ele estará com treze anos e será um homem. Mas a cidade está mantendo segredos para ele, segredos que vão forçá-lo a fugir do prefeito e dos homens de Prentisstown junto com seu cachorro e a primeira garota que ele já conheceu. A cada pagina o leitor ficará cada vez mais ligado á Todd e Viola com sua historia de amizade e sentirá afeição genuína por Manchee cão e ajudante de Todd, cujo comportamento é hilário e comovente. Na sua essência, é uma historia sobre um... Continue a ler bem aqui.

_______________________________________
NOVIDADES

A escritora best-selling Cassandra Clare, autora das série de sucesso Instrumentos Mortais e As Peças Infernais confirmou o lançamento de outra série spin-off de Instrumentos Mortais: The Dark Artifices. O livro está previsto só para 2015, e pelo jeito a autora fez um contrato bem longo. Podem gritar agora.



Vocês provavelmente verão (ou viram) comunicados sobre o filme de The Mortal Intruments por aí. Na semana passada, nós vimos através do fansite brasileiro sobre a série, Idris, que a imprensa deu sinal de vida sobre o filme. Confira!
Um filme de “Os Instrumentos Mortais” está atualmente em desenvolvimento. Os produtores da adaptação cinematográfica de “Os Instrumentos Mortais” esperam fazer um grande anúncio sobre o projeto nas próximas semanas. Um dos produtores, Robert Kulzer da Constantin Film, expressou seu entusiasmo e sua colaboração no projeto com Cassandra Clare. “Todos que travalham no filme estão animados para trabalhar com Cassandra Clare, uma das mais brilhantes, produtivas e bem sucedidas autoras da nossa época. E nós parabenizamos Cassandra em sua nova série de livros.

___________________________________________
EVENTOS
Quase acabando, mas tá valendo, ainda!

___________________________________________

E então, gente?
Vamos comentar? O que vocês acharam dessas novidades todas? Surtaram com o anúncio do filme de TMI?? E a continuação da série do Patrick Ness? AINDA ESTÃO SOB INFLUÊNCIA DO FILME JOGOS VORAZES???
Eu estou. *------------------------*
Me contem! Beijos e até a semana que vem!

Continue Lendo

quarta-feira, 28 de março de 2012

Resenha: "Paixão, Drogas e Rock'n Roll" (Daniela Niziotek)

Paixão, Drogas e Rock'n Roll
Autor: Niziotek, Daniela
Editora: Maquinaria editora
Número de Paginas : 189

Por Carine: "Paixão, drogas e Rock’n Roll" conta a história de Brian Blue um super astro de rock dos anos 90 , líder e vocalista da banda norte-americana "Fears" e de Vitória ou Vicky, uma adolescente brasileira de 18 anos que acaba de entrar para a faculdade de Filosofia da USP. Duas vidas tão diferentes e praticamente improváveis de se unirem, acabam se encontrando e vivenciando uma história emocionante, surpreendente e intensa.

Durante um show no Brasil, Vicky e Brian se conhecem e a menina logo intriga o experiente e vivido astro. Os dois passam um tempo juntos e esse encontro os impacta de tal maneira, que um não consegue parar de pensar no outro.
"Quando estou com você, não sei como dizer, é tão bom, eu quero você tanto... não me importaria se o mundo acabasse se eu estivesse com você. [...]
Logo os dois se descobrem apaixonados e Vicky vive o sonho de toda adolescente: apaixonar-se por um pop star e ele retibui esse amor.
"... Eu amo você, Vicky. Eu vou amar você por toda a vida..."
Trata-se de um amor difícil, afinal eles vivem em países diferentes, ele é um astro de rock com um passado conturbado, ela é uma menina que acaba de entrar na faculdade. Apesar de tudo isso, a paixão floresce e eles tentam fazer dar certo superando as dificuldades, as diferenças e os conflitos.
"(...) é outra coisa que adoro em você. Você parece não ter nenhuma ideia de quem fui, ou expectativa com o que acha que sou. Eu me sinto tão real quando estou com você. Me sinto livre para descobrir coisas sobre mim que eu também não sabia, coisas que ficavam encobertas por uma ideia que tinha de mim mesmo, pela minha história, entende?"
A dependência do casal é tão grande que os amigos comentam o quanto é sufocante a relação dos dois, entretanto, a paixão é tanta que eles não se dão conta disso. Essa dependência acaba ferindo os dois e desgastando a relação, entretanto eles não conseguem se separar.
"Se ela pensou em resistir, foi tão rápido que o pensamento não teve oportunidade de chegar à consciência. Sentia uma onda de eletricidade percorrer toda a sua pele. Seu corpo reconhecia o dele, pertencia a ele, ela estava entregue. Demorou alguns segundos para recuperar a respiração e abrir os olhos. Brian a olhava com uma expressão de encantamento, seu rosto reluzia alegria. Não cansou de admirá-la por algo que parecia uma eternidade e então a beijou de novo."
Diante de uma paixão tão forte, o casal começa a planejar o futuro juntos, é quando uma situação extremamente difícil e complicada os surpreende e os leva a questionar todos os planos. A situação é delicada, mas a dependência que um tem pelo outro é tão grande que eles tentam seguir em frente, buscando superar esse problema e ser feliz de algum modo, ainda que não seja como planejavam. Entretanto torna-se muito complicado lidar com esse problemão que o destino lhes impôs e ainda todas as diferenças do casal. Devido a isso, as indas e vindas dos dois acontecem frequentemente e eu me peguei em vários momentos pensando se eu seria tão persistente quanto eles.
“- Sabe, Brian, eu estou um pouco cansada disso tudo. Você vive me acusando de não ter experiência de vida, de ser ingênua, de saber das coisas só teoricamente, através dos meus livros. Em parte você tem razão, eu vivi poucas coisas, comparada a você, quase nada, mas quer saber? Não adianta passar pelas mais diversas situações se não se pode aprender nada com elas. Eu tenho a impressão que você viveu tanta coisa, mas aprendeu muito pouco com suas experiências..."
Por trás dessa história de amor intenso, somos levados aos bastidores do mundo do rock dos anos 90 (e de hoje ainda, eu acho), cheio de glamour, drogas, sexo, violência, superficialidade, intrigas, mentiras e dinheiro, muito dinheiro.

A autora consegue nos surpreender. Nos primeiros capítulos você não tem a ideia da intensidade da história. Conforme a narrativa vai se desenrolando vamos percebendo o qual densa é a história de Vicky e Brian. São os problemas de uma vida conturbada, principalmente quando os envolvidos são tão diferentes, os problemas enfrentados pelos artistas, entre outras situações que nos envolvem e nos deixam ansiosos e aflitos por terminar o livro e conhecer o desfecho da história. Por opção da autora, o final é aberto o que não me agradou, mas ainda assim, vale a pena conferir.
"- Porque eu sou uma boba apaixonada. Você sabe que minha pulsação acelera toda a vez que eu vejo você? E não importa se você foi só até a cozinha beber água. Você volta e acontece de novo."
A escrita é simples e objetiva e acredito que a formação da autora em Psicologia contribuiu para deixar ainda mais realista a descrição dos conflitos vivenciados pelos personagens.

Brian e Vicky são personagens que nos levam do amor a raiva em vários momentos. Algumas vezes nos admiramos com a maturidade de Vicky e com o amor tão grande e intenso de Brian e em outros, sentimos muita raiva da menina que não se valoriza e do homem que é extremamente possessivo e que não tem a mínima força de vontade para resistir ao que lhe faz mal.

Tudo na história acontece muito rápido, é um ritmo eletrizante, acredito que para ilustrar a realidade e os sentimentos dos personagens, mas, em algumas vezes, senti falta de um ritmo um pouco mais lento.

Recomendo esse livro para aqueles que curtem um romance bem intenso e com finais surpreendentes. Vale a pena destacar que apesar do tema central atrair os adolescentes, acredito que as pessoas com mais de 15 anos apreenderão mais da leitura.

Ah, um lembrete: leiam sem muitos pudores afinal, trata-se de uma história de Paixão, Drogas e Rock'n Roll". ;)

- Para baixar um trecho do livro acesse aqui.

Esse foi mais um livro que adorei ler e resenhar, provando que os autores nacionais estão realmente chegando com tudo, não deixando nem um pouco a desejar nas tramas e histórias.
Espero sinceramente que tenham curtido essa resenha, eu amo ler os comentários de vocês.

Continue Lendo

terça-feira, 27 de março de 2012

Filme: "Guerra é Guerra"

O ator britânico Tom Hardy talvez possa ser chamado de “A revelação do Ano” ou “A Sensação do Ano”. Só o fato de ele estar escalado, neste ano, em uma grande produção, já o coloca sob os refletores, mas ele é MAIS do que isso: a grande produção em questão é “Batman- O Cavaleiro das Trevas Ressurge” , terceiro e último (?!?!) filme do homem morcego realizado pelo diretor Christopher Nolan. E Hardy vai interpretar simplesmente o vilão do filme, o Bane.
Só o fato de um ator que não é lá tão conhecido (o papel de destaque de Tom até agora provavelmente é em “A Origem”, mas ele já fez outros filmes muito bons que não possuem tanto reconhecimento, como “Guerreiro”) ser escalado para fazer o vilão em um filme de grande repercussão, já faz com que as pessoas o olhem de forma diferente. E isso, como opinião pessoal, é bom porque grandes atores geralmente são conhecidos dessa forma.
Fiz essa pequena introdução sobre o Tom para que vocês entendam mais ou menos o porque de “Guerra é Guerra”, o filme de hoje, está sendo esperado.
Além de ter a Reese Witherspoon (“Legalmente Loira”) como protagonista, (Lauren) o elenco traz Tom Hardy como Tuck e Chris Pine (“O Diário da Princesa 2”) como FDR Foster.
Tuck e FDR são espiões e também melhores amigos. Ambos compartilham segredos, missões, momentos... E agora vão compartilhar a mesma namorada!
Após várias decepções amorosas (e passar por aqueles momentos constrangedores onde você reencontra seu ex na rua, do nada, totalmente desprevenida e ele está super bem, com uma noiva e a única coisa que você está é possivelmente com alguns quilos a mais e em um momento sem pensar você acaba dizendo que está com um cirurgião e “Oh my God, tenho que ir encontrar-me com ele numa Temakaria”, e meio que sai correndo e quando você chega para comer sushi –sempre uma porção para uma pessoa-, Nossa! Que coincidência, seu ex e a noiva também estão lá, mas o seu suposto namorado cirurgião não está e nem vai aparecer, porque ele só existe na sua cabeça e você paga mico), acaba sendo inscrita em um site de relacionamentos. Lá ela se interessa por Tuck e é recíproco.

Continue Lendo

segunda-feira, 26 de março de 2012

[Gastronomia e Literatura] Pão-de-Mel: Capítulo Trinta e Dois

Essa mensagem faz parte de uma série de postagens, capítulo a capítulo, com receitas inspiradas no enredo do livro "Pão de mel" (Rachel Cohn). Para ver as receitas anteriores clique aqui

Bom Dia Pessoas,

A viagem (e essa parte da aventura de Cyd) está perto do fim, mas afinal para que mesmo que ela havia ido à Nova York? Ah, é. Conhecer o pai biológico, Frank. Porém, uma pessoa tão ocupada quanto ele não tem muito tempo para conhecer uma filha adolescente.

Mas, chegou a hora da conversa entre pai e filha. Um jantar seria ótimo, porém Cyd, que não está muito afim de ter essa conversa, já jantou. Ainda bem que Danny sempre tem uma sugestão na manga, então que venha a sobremesa.

Para adoçar a vida, nada melhor do que um dos deliciosos bolos de Danny. E que tal um Bolo Mousse de Chocolate com Chantilly. Essa é uma receita que tem uma proposta um pouco diferente, que você pode ver no final e reparar que o nosso capítulo dessa semana nos deu uma pequena dica do que fazer para ser um bolo único.

Continue Lendo

domingo, 25 de março de 2012

Resenha: "Para Sempre" (Kim e Krickitt Carpenter)

Por Juny: Logo que vi sobre o filme “Para Sempre” (no “Top 10 as melhores estreias de 2012” by Kell) essa história me chamou a atenção. E quando a Novo Conceito anunciou o livro, fiquei ainda mais curiosa, pois nem sabia da existência da obra literária.

O livro conta a história de amor de Kim e Kricket. Eles se conheceram ao acaso, Kim é treinador de um time de beisebol e ligou para fazer a encomenda de uma jaqueta personalizada a marca Jammin Sporstwear. Quem o atende é Kricket, uma atendente muito atenciosa e animada que logo de cara já chama a atenção de Kim. Ele se vê apaixonado pela dona dessa voz, passa a ligar mais vezes com a desculpa de verificar algo sobre o pedido e eles ficam um bom tempo conversando.

O relacionamento vai se desenvolvendo, eles passam a conversam nos telefones residenciais e trocam cartas. Acontecem alguns encontros pessoalmente, os quais eles apenas conversam (não rola nenhum beijo!) e se conhecem. Kricket é um pessoa da igreja, tem muita fé e não tem pressa no desenvolvimento do relacionamento. E Kim a respeita muito e aceita suas regras.
Eu estava com o meu braço ao redor dela, e ela apoiava a cabeça no meu peito. Sem qualquer aviso, ela olhou para mim e perguntou: –Você está feliz, Kimmer?

Não consegui resistir ao desejo de beija-la antes de responder. –Não consigo imaginar como poderia estar mais feliz.

E a beijei mais uma vez.

Toda essa amizade, companheirismo e cumplicidade acaba se transformando em amor, e conseqüentemente eles se casam. Tudo vai indo as mil maravilhas, até que eles resolvem viajar para passar o “dia de ação de graças” junto com os pais de Kricket. A viagem é interrompida por um acidente que os deixa feridos. Kim ignora seus ferimentos (embora também sejam graves), pois Kricket esta inconsciente e precisa de uma cirurgia de emergência em seu ferimento na cabeça. Nada importa para ele a não ser o bem estar de sua amada, ele tem muita fé em sua recuperação.

Ai chegamos ao ponto crucial do livro, que não é nenhum spoiler já que é citado tanto na sinopse do livro quanto do filme: Kricket perde sua memória recente, não lembra do casamento e nem de nada a respeito de Kim. E agora? Como será a recuperação dela? O que Kim fará a respeito disso? Será que um grande amor sobrevive a essas adversidades?
Seria aquela a nossa nova realidade? Eu poderia muito bem estar esperando por algum tipo de recuperação ou reconciliação que nunca chegaria a acontecer. Ao sair da sala, eu pensei: "Será que esse é o fim? Talvez a situação não consiga ficar melhor do que isso". Pela primeira vez eu me permiti, verdadeiramente, considerar o fato de que minha esposa nunca mais voltaria a ser a pessoa que era antes do acidente, a pessoa por quem me apaixonara.

O mais interessante nisso tudo, sem dúvidas, é o fato de ser baseado em uma história real, que apesar de tanto sofrimento e provações, o amor e a fé fizeram a diferença! Os últimos capítulos contam fatos recentes dessa historia, a repercussão na imprensa americana, o projeto do filme e etc.

Mal posso esperar para ver a versão cinematográfica, já percebi que há algumas diferenças, mas espero que consigam transmitir todos os sentimentos que esse livro me passou. Não é o melhor romance que já li, mas ele é real, são pessoas que sofrem, que tem duvidas, que tem fraquezas, mas acima de tudo tem fé e lutam pelo final feliz, todos os dias, por isso me conquistou! Recomendo!

Continue Lendo

sábado, 24 de março de 2012

[Mangás/Anime]: One Piece


Depois de muita espera finalmente os piratas mais famosos do mundo voltaram as bancas brasileiras e com um sucesso devastador, estamos falando de One Piece.
Após mais de 4 anos longe das bancas desde a falência da editora Conrad, o mangá de maior sucesso no mundo nos últimos anos pode voltar ao Brasil no mês passado com a Panini que relançou desde a 1º edição a obra, além de continuar do nº36 onde a Conrad havia parado. A editora, aliás, correu um certo risco já que no primeiro lançamento dos Mugiwara no país as vendas foram apenas razoáveis, mas com um bom marketing da editora em 2 meses nas bancas One Piece virou o mangá mais vendido do país.

Para quem não conhece One Piece é de autoria de Eichiro Oda e foi lançado pela Shonen Jump em 1997, nesses 15 anos a série se tornou o maior titulo do Japão e aos poucos dominou o mundo todo com seus 65 volumes. O anime já conta com 539 episódios.

Continue Lendo

#PROMO "Deu a Louca nos Blogs" - Via Rafflecopter

Na semana em que é comemorado o Dia do Blogueiro, alguns blogs se uniram para presentear seus leitores.

Os blogs são:



Serão dois sortudos:

- o primeiro leva 6 dos 11 livros e um kit de 20 marcadores
- o segundo leva os 5 livros restantes e um kit de 10 marcadores

Continue Lendo

quarta-feira, 21 de março de 2012

Resenha: "Os meninos de Gateville" (Renatho Costa)

Por Sheila: Jimmy é um escritor de sucesso, que após a publicação de seu mais recente livro entra em um período de crise criativa. À caminho de um encontro com seu agente literário, Larry, acaba se perdendo e indo parar em um restaurante à beira de estrada em que as pessoas não se mostram nem um pouco acolhedoras.

Acometido por frequentes dores de cabeça, Jimmy acaba batendo com seu carro e ficando inconsciente. Quando acorda, enregelado e com sangue nas roupas, dirige-se até a cidade: Gateville, uma cidadezinha no Canadá, onde as coisas não parecem ir muito bem.

Apesar de ter sido bem recepcionado pela Sra Stein - que lhe aluga um quarto - e sua filha Sabrina, descobre estar em uma cidade em luto; descobrir a morte recente de uma criança o choca, mas também lhe intriga a insistência da população local em falar a respeito da morte do pequeno Tommy, que contava com dez anos.

Em busca de respostas, começa a fazer perguntas, e o que descobre não lhe agrada nem um pouco: em primeiro lugar, Tommy foi assassinado, com requintes de crueldade que fazem tornar-se inimaginável o acontecido. Em segundo, sua colisão não lhe rendeu algumas horas, mas dias faltando. Jimmy, que só estava curioso, passa a ser o principal suspeito de ter cometido o bárbaro crime.
- Quer dizer que o senhor ficou desacordado por três dias?!
- Foi isso ... - senti que a história era estranha demais para se acreditar de primeira.
- E onde o senhor ficou?
- Não me lembro, quando acordei estava caído fora do carro. Acho que entrei em alguma estrada assim que saí da lanchonete. Eu tinha tomado muitos tranquilizantes e perdi completamente a consciência.
A partir de então, Jimmy passa a tentar resolver o mistério da morte bárbara de Tommy, não só por acreditar que o responsável deve ser preso, mas para inocentar-se das acusações. Em sua busca, acaba por deslocar-se por diferentes lugares e países atrás de pistas, inclusive no Brasil, onde perdeu muito cedo o pai, o que lhe deixou fundas marcas mas, também, muitas perguntas.
Eu tinha cinco anos na época e fiquei três meses em silêncio após minha mãe ter dito que ele não voltaria. Também, só consigo me lembrar de poucos flashes do período em que morei no Brasil. Esqueci uma parte de minha vida! (....)
Quando minha mãe me contou tudo isso eu já era adolescente, mas minha revolta contra o Brasil foi incontrolável. O país tinha roubado minha esperança de ter uma família normal!
Assombrado pela morte de Tommy e por seu passado, do qual não consegue se desvencilhar, Jimmy empreende uma busca epopeica pela verdade - tanto do que ocorreu em Gateville, como de sua história pessoal, seu pai assassinado e mãe que acaba por se suicidar alguns anos depois.

Bom, minha opinião sobre o livro ... juro que tentei gostar dele. De cara impliquei com o uso, para mim abusivo, de pontos de exclamação na escrita do autor. Chegar até o fim foi bem difícil, o argumento simplesmente não me convenceu. Me pareceu que o enredo, em si, poderia ter dado uma ótima estória de suspense, mas ela meio que "se perde"; também achei as idas e vindas na trajetória do protagonista bem cansativas.

Fui atrás de outras resenhas sobre o livro e, no geral, ele é muito bem citado, como tendo um enredo envolvente e que prende o leitor até o desfecho. Não sei se são meus anos e anos de Agatha Christie, Rainha do Crime, e Stephen King, mestre do suspense, ou se sou excessivamente crítica mas ... realmente não gostei muito não. No entanto, como sempre faço quando não viro fã do livro, recomendo que você leia, até para deixar para o pessoal seu ponto de vista.

Continue Lendo

terça-feira, 20 de março de 2012

Resenha: "O Segredo de Esplendora" (Tatiana Mareto)

"O Segredo de Esplendora"
Autor:
Mareto, Tatiana
Editora: Grafband
Número de Paginas: 404


Por Carine: "O Segredo de Esplendora" conta a história de Heather, uma cientista e astrônoma de 25 anos que sempre se sentiu diferente, estranha e incompreendida. Mesmo com tantas vitórias ela não se sentia realizada (a maneira como ela se sente me lembrou muito a Sookie de True Blood).
"Eram séculos de guerra e desolação. Os céus se tingiam de vermelho a cada crepúsculo. A noite se abateu sobre Esplendora desde então; desde o início da guerra havia a luz e a escuridão na cidade dos Anjos. Havia sangue derramado pelos ladrilhos impecáveis e o branco estava manchado para sempre. Eram séculos de guerra, e nunca poderia haver um vencedor."
Descobrimos que Heather é uma mistura de anjo e bruxo. Sua mãe Abdil era um anjo e seu pai, Fletcher, um bruxo. O casal precisa sair da cidade de Esplendora para proteger a filha que ainda nem nascera. O relacionamento deles infringia às regras do Onisciente, além disso, geraram uma vida, o que era ainda mais complicado. (Essa parte me lembrou Charmed, acho que estou muito viciada em séries rsrsrs)

Seguindo a narrativa, conhecemos Henry, Stuart e Weslley. Os dois primeiros são vampiros. Henry é vampiro antigo de quase 600 anos e Stuart tem somente dois anos. Henry transforma Wesley para salvá-lo da morte e Stuart passa a ajudar o rapaz a lidar com essa nova situação.

Voltando a sua cidade natal, Graceland, Heather, que é super cética, começa a ouvir vozes de e fica sabendo que tem um anjo da guarda, Mills. Ela tenta entender o que está acontecendo e acaba esbarrando com Wesley que tenta enfeitiçá-la e mordê-la. Por não ser uma humana, a jovem consegue resistir e acaba envenenando o rapaz. Por conta disso é levada ao encontro de Henry e eles acabam se apaixonando.
"(...) - Eu preciso acordar e tem que ser agora. É muita coisa para umma noite só. Primeiro eu vejo um Anjo em meu quarto, depois sou atacada pelo maníaco mais atrapalhado que existe; e agora estou dialogando com um vampiro que me diz que eu não sou humana! O que é isso; é a natureza se vingando do meu cetecismo? Só pode ser, estou sendo castigada por ser tão descrente."
"(...) Mas o que se sucedeu ultrapassou a razoabilidade para seres mitológicos. Menos de um minuto após começar a alimentar-se de Heather, Wesley enfraqueceu-se e foi facilmente afastado pelas mãos insistentes da garota, que tentavam inutilmente fazê-lo inutilmente fazê-lo parar.”
A partir daí, a história vai se desenvolvendo e Heather tem que aprender a lidar com coisas nas quais não acreditava, se conhecer melhor e lutar por esse amor surpreendente.
“Heather ouviu todo o relato completamente assombrada. Ela não poderia conceber que um dia sentiria condolências por um vampiro. Mesmo que a lenda fosse verdadeira, o vampiro deveria ser uma criatura maligna e cruel. Mas em sua frente havia um homem, e mais uma vez ela se recordou da primeira vez que viu Henry realmente. A sua imagem na cozinha, a constatação de que ele era um homem. Não era cabível qualificar Henry como uma criatura, ainda menos como cruel. Seus olhos estavam revoltos mais uma vez, e ele tinha os dedos cravados no colchão quando terminou de falar. O olhar perdido em algum ponto qualquer.”
Com o tempo as coisas começam a se ajeitar: a garota está apaixonada e é correspondida e profissionalmente ela monta um negócio diferente com a amiga Kirsten e tem sucesso. Como nem tudo é perfeito, o conselho da cidade de Esplendora tira sua liberdade fazendo com que ela tenha que travar uma batalha pela sua vida e pela vida dos que ama.

"Eles mal tiveram tempo de pensar a respeito do que estavam fazendo. Eles se conheceram e se apixonaram de forma súbita, fazendo inclusive com que a céica heather acreditasse em magia e amor à primeira vista. Eles se amaram de forma intensa e sem qualquer barreira que os impedisse, mas eles nunca confessaram um ao outro que se amaram."
O livro é repleto de referências a seres mitológicos e que permeiam nossas fantasias. Os capítulos são longos e a linguagem é fácil. Não gostei da diagramação utilizada e senti dificuldades na leitura por conta disso. "O Segredo de Esplendora" será relançado e acredito que esses problemas gráficos e de correções gramaticais serão resolvidos.

Indico esta leitura para os que curtem uma boa história romântica permeada por seres como anjos, híbridos, vampiros,elfos, druidas e bruxas.

- Conheça a nova capa:

Continue Lendo

segunda-feira, 19 de março de 2012

[Gastronomia e Literatura] Pão-de-mel; Capítulo Trinta e Um

Essa mensagem faz parte de uma série de postagens, capítulo a capítulo, com receitas inspiradas no enredo do livro "Pão de mel" (Rachel Cohn). Para ver as receitas anteriores clique aqui.

Bom Dia Pessoas,

O capítulo dessa semana não e um dos mais extensos, porém é um dos meus preferidos. Cyd finalmente encontra a Senhorita Loretta, aquela que preparou o pão de mel que deu o nome á sua boneca e que também fez a boneca.

Encontro esse à muito aguardado e que embora curto é cheio de significado.
Mas deixemos de enrolação e vamos por a mão na massa para preparar, obviamente, mais uma receita de pão de mel, Pão de Mel Gelado.

Vamos para a receita:

Continue Lendo

domingo, 18 de março de 2012

Resenha: "Jogos Vorazes" (Suzanne Collins)

Por Juny: Em poucas palavras “Jogos Vorazes” é um livro que me fez perder o fôlego! Espero conseguir transmitir um pouco desse sentimento nesta resenha. Renuncio pela primeira vez o fato de tentar contar a história com minhas palavras, pois a sinopse é bem objetiva e concisa nesse sentido:
Sinopse do Skoob: Após o fim da América do Norte, uma nova nação chamada Panem surge. Formada por doze distritos, é comandada com mão de ferro pela Capital. Uma das formas com que demonstram seu poder sobre o resto do carente país é com Jogos Vorazes, uma competição anual transmitida ao vivo pela televisão, em que um garoto e uma garota de doze a dezoito anos de cada distrito são selecionados e obrigados a lutar até a morte!
Para evitar que sua irmã seja a mais nova vítima do programa, Katniss se oferece para participar em seu lugar. Vinda do empobrecido distrito 12, ela sabe como sobreviver em um ambiente hostil. Peeta, um garoto que ajudou sua família no passado, também foi selecionado. Caso vença, terá fama e fortuna. Se perder, morre. Mas para ganhar a competição, será preciso muito mais do que habilidade. Até onde Katniss estará disposta a ir para ser vitoriosa nos Jogos Vorazes?
Os “Jogos Vorazes” são como um reality show, os participantes viram celebridades, tem seus próprios estilistas e participam de entrevistas, só difere no detalhe da violência, o banho de sangue que haverá onde haverá somente um vencedor.

Katniss é uma protagonista forte, corajosa e convincente, aprendeu a se virar sozinha desde a morte de seu pai e sua maior preocupação é prover o bem estar de sua família. É muito habilidosa com arco e flecha e só fica em paz quando esta na floresta caçando, seja sozinha ou com seu melhor amigo e companheiro de caçadas, Gale. O amor fica em segundo plano, afinal seu maior objetivo é sobreviver, seja em sua dura realidade no Distrito 12 ou na arena dos Jogos Vorazes. Porém nos próximos livros deve haver mais sobre isso, já que um triângulo amoroso foi formado.
Pego sua mão, segurando com firmeza, preparando-me para as câmeras e abominando o momento em que finalmente terei de soltá-la.
Peeta é um personagem a principio bem enigmático, o que gera muita desconfiança por parte de Katniss. Ao decorrer da trama ele me conquistou com seu jeito simples, não direi mais nada a respeito dele, pois poderia ser spoiler. Espero muito mais dele nos próximos livros. E tem uma personagem sucundária, Cinna, o estilista de Katniss, que rouba a cena! Ele é extremamente simpatico e amavél, a ajuda em diversos momentos, além de fazer roupas espetaculares.
– Verdade – diz Cinna. Ele se inclina e beija a testa. – Boa sorte, garota quente. – E então um cilindro de vidro começa a abaixar em torno de mim, interrompendo nosso aperto de mão, separando-o de mim. Ele dá um tapinha com os dedos debaixo do queixo. Cabeça erguida.
Já li muitos Y.A. Books, alguns “distópicos”, mas nenhum chegou perto da qualidade que encontrei em “Jogos Vorazes”. É tudo muito bem construído, cada detalhe de Panem, da narrativa, dos personagens. Há uma boa dose de realismo quando Katniss conta do sofrimento que sua família passou quando quase morreram de fome. Não é o tipo de livro alienado, em que todos os personagens tem apenas preocupações fúteis, o regime ditatorial que rege Panem é bem convincente.

O livro é dividido em 3 partes: “Os tributos”, “Os jogos” e “O vencedor”. Li a segunda e a terceira parte (pouco mais de 300 páginas) em um dia, não conseguia parar de ler até descobrir o desfecho, como os jogos iriam terminar.

Por mais que o filme pareça fiel e possa ser bom, recomendo imensamente que leiam o livro antes de assisti-lo, pois a narrativa é impressionante e com certeza muitos detalhes ficarão para trás na versão cinematográfica.

A leitura foi tão arrebatadora que tive que providenciar urgentemente as continuações: “Em chamas” e “A esperança” (e conseqüentemente falir com isso! =x), pois ao fim dos Jogos, ainda há muito a ser explorado pela autora e confesso que não tenho idéia de para onde ela irá levar esse enredo. Série recomendadíssima! “Must Read”!

E quem ainda não assistiu o trailer, clique aqui para ver! ;D ... Todo mundo em contagem regressiva para a estréia na proxíma sexta! *-*

Continue Lendo

Happy Hour #11 - História do Twitter

Oi pessoal!! Como vão vocês?! Espero que às mil maravilhas, hein! *-* Me contem só uma coisa: ficaram muito tempo viajando com o nosso TOP 10 dos sonhos da Happy Hour #10?! rsrs  Aliás, queria agradecer muito a todos pelo carinho de sempre com a coluna! Bombamos de visitas e comentários!! *-* Obrigadaa de coração!!  

Bate-papos à parte, vamos ao nosso assunto de hoje, né?! Bom, se você se identificou com a imagem ao lado, tenho certeza que vai gostar da coluna de hoje. A internet chegou pra ficar, né?! Quem aí não entra pelo menos 2 minutinhos por dia para olhar as atualizações do Face ou para dar aquela tweetada e até mesmo visitar os sites que mais gosta? 

Então pensei: Todo mundo já sabe da história de Zuckerberg com o Facebook, seja pelo livro ou pelo filme. Mas vem cá, alguém aí sabe da História do Twitter?! cri-cri-cri *silêncio no recinto* ahhahah. Mas acalmem-se! A Happy Hour está aqui para te manter dentro de tudo! Vamos conhecer a História do Pássarinho mais famoso da Internet e de quebra algumas curiosidades?! Então, vem cá que te mostro tudo!! =DD 


Como nasceu o microblog
Logo da Odeo Inc.
Por volta de 2004, Evan Williams (@ev) , que havia sido responsável pela criação do Blogger (nossa plataforma) e, juntamente com Biz Stone (@biz), trabalhavam na gigante Google. Saíram de lá para formar, com outros amigos, a Odeo Inc., uma empresa de podcasting que não trouxe resultados em sua área de atuação. A empresa estava sofrendo pela concorrência de grandes players de informática. A partir dessa situação, a diretoria adotou a política de "reinventar a empresa". 

Continue Lendo

sexta-feira, 16 de março de 2012

[Quadrinhos]: Os Vingadores


Um dos blockbusters mais esperados do ano está chegando, sim ele, Os Vingadores e esse post vai trazer um apanhado da história do grupo da casa das idéias e algumas histórias que valem a pena ler. Os vingadores foram reunidos pelo governo americano para combater os poderes dos inimigos e invasores extrasterrestres, defendendo a terra e vingando os humanos mortos. Publicado pela primeira vez em 1963 e criado pela a dupla icônica dos quadrinhos Jack Kirby e Stan Lee (que geralmente é um easter egg nos filmes dos heróis até agora.) em resposta a criação da Liga da Justiça da concorrente DC comics.

Continue Lendo

[Séries] Smash


Sorry por postar atrasado!! Mas é que volta as aulas (só retornei dia 05) e proximidade com prova de concurso me deixaram fora do ar por um tempo!! Tive que me desligar, mas espero que todos entendam, e para me redimir trouxe uma série mais que magnífica para vocês!!

Continue Lendo

quinta-feira, 15 de março de 2012

Novidades da Semana #31

Então, pessoas, aqui estou eu novamente! Desculpe por não estar aqui com vocês na semana passada. Família problemática é assim mesmo. Mas, enfim... Como vocês passaram essas duas semanas sem mim? Sobreviveram?? Alguns eu sei que não *seachandoimportantecofcof*.
Espero que todos tenham lido muito e comprado muitos livros *--* E estejam preparadíssimos para a estreia de Jogos Vorazes na sexta que vem. Eu mal posso esperar! Quem assistiu à premiere anteontem? Foi lindo!!!
Ok, vou parar de ser obcecada e mostrar logo o que andou saindo por aí. Afinal, foi isso que fez com que vocês passassem por aqui, não é?

Já Existiu outra Humanidade - J. J. Benítez
Eu li a sinopse desse livro. Vou contar um segredo, eu tenho quedas enormes por livros que falem da história antiga da humanidade... Como as pessoas viviam, etc... Mas quando eu li essa sinopse, ela virou tudo o que eu sabia de ponta cabeça e chacoalhou. Vocês querem ver porque? Vamos lá, então.
Sinopse:
O jornalista J. J. Benítez revela-nos aqui outro grande mistério: mais de onze pedras, gravadas com sugestivos desenhos, seriam prova definitiva de que, há milhões de anos, existiu outra civilização em nosso planeta, muito anterior ao homem de Neandertal. São as chamadas pedras de Ica, encontradas no Peru na década de 1960. Elas revelam, entre outras coisas, que aquela antiga humanidade tinha elevados conhecimentos sobre transplantes de órgãos e voos especias e que, inclusive, tinha convivido com os dinossauros! Será que todas as documentações científicas que hoje conhecemos estão erradas? Ou será que essas pedras são uma grande fraude?


Malas, Memórias e Marchmallows - Fernanda França
A autora super fofa, Fernanda França, está divulgando por aí seu novo livro, "Malas, Memórias e Marshmallows". O livro começou o processo de pré-lançamento e pré-venda semana passada, e viemos aqui trazer para vocês esse fofura de lançamento nacional. Vamos ver?
Sinopse:
Às vezes, o fim de algo pode ser apenas um novo começo. Após ser despedida do trabalho no dia de seu aniversário, Melissa Moya conhece Theodoro Brasil, seu vizinho, dando início a uma nova amizade que vai permitir que a jovem jornalista realize seu maior sonho: viajar mundo afora. Ela embarca no projeto “América sobre rodas”, uma aventura por diversas regiões dos Estados Unidos, deixando para trás... Continue a ler a sinopse aqui.


Nas Sombras - Jeri Smith-Ready
Eu li a sinopse do livro, e ele me lembrou, não tão vagamente, A Mediadora. Essa é uma das minhas séries preferidas, então espero que esse livro faça jus ao tema. A capa é interessante, então vamos ver se esse livro vai me cativar (ou a vocês) tanto quando Suze e Jesse, de A Mediadora...

Sinopse:

No futuro, um misterioso acontecimento (que ficará conhecido como Passagem) dará para os nascidos depois desta data a capacidade de ver e se comunicar com os mortos. Sendo uma dessas pessoas, Aura passa toda a sua vida tendo que lidar com essa condição. Quando o aniversário de 18 anos de seu namorado, Logan, se aproxima, Aura sabe que... Continue a ler!




Agridoce - Simone O. Marques 

Para os fanáticos por vampiros, que sentem falta dessas criaturas sobrenaturais (que já foram bem mais populares), esse lançamento pode ser realmente interessante. Além de ser nacional (vamos valorizar a nossa  literatura, ein, gente!). Vamos combinar que só a capa já é um arraso! Quem topa dar uma olhada?
Sinopse:
Agridoce não é apenas mais um livro de vampiros, é uma obra repleta de aromas, sabores e sensualidade, que transcorre em ritmo viciante e irresistível,mantendo os leitores presos até a última página. Os personagens fazem parte de uma trama que envolve: Portadores de uma necessidade especial (Vampiros) que despertam para a condição determinada por uma predisposição genética (a necessidade de sangue), Escravos (doadores), pessoas que despertam fisicamente dependentes dos... Continue a ler a sinopse aqui!


Continue Lendo

quarta-feira, 14 de março de 2012

Resenha: "Diário de um Vampiro - O confronto" (L.J. Smith)

- Clique aqui para ler a resenha do primeiro livro da série "Diário de um Vampiro - O despertar"

Por Ellen:
Nem vou comentar da capa porque todas são simplesmente maravilhosas, conforme já havia escrito antes, adoro o tom de mistério que elas imprimem ao leitor.

Dando continuidade nesta série, o segundo livro começa exatamente aonde terminou o “O Despertar”. Stefan está desaparecido e Elena se vê obrigada a enfrentar Damon para tentar encontrar seu verdadeiro amor. De alguma forma ela sabe que ele seria incapaz de sumir sem avisá-la e conta com a ajuda de seus amigos para encontrá-lo. É muito bom ter amigos que não pedem explicações quando o outro precisa de ajuda, isso me encanta no livro.

Essa busca chega ao fim após a ajuda de Bonnie e seu “dom” e assim, conseguem achá-lo quase sem vida e muito enfraquecido. Ele logo se recupera e as coisas finalmente caminham para uma “normalidade”. É quando Damon resolve por em prática seu plano de conquistar Elena e tomá-la para sua companheira nas sombras. Ele passa a freqüentar os mesmos lugares que Elena e consegue que as pessoas façam o que ele quer usando seus poderes. A cada nova investida nossa protagonista se sente fortemente atraída como se os fosse natural os dois ficarem juntos.
“Ela não conseguia se mexer nem virar o rosto. E desta vez Elena sabia que não era o Poder que ele usava, mas simplesmente a atração desenfreada que havia entre os dois. Era inútil negar isso; seu corpo reagia ao dele. Ele podia sentir a respiração de Damon nos próprios lábios.”
Para complicar ainda mais o diário de Elena some e ela vê o risco de Stefan ser condenado pelos ataques mais eminente com aquilo que ela escreveu. Apesar de não revelar quem ele é, a mera menção de sua presença em todos os eventos seria uma “prova” para sua condenação. Apesar de receber trechos dele na escola, seja em recados ou através do mural, ela resolve não contar nada sobre o sumiço a Stefan. Para complicar um pouco mais também ela não revela que anda sendo perseguida por Damon. Ela sabe que isso pode dar início a uma batalha que certamente culminaria com a morte de um ou ambos.

No meio de tudo isso uma amizade verdadeira entre Matt e Stefan começa a se estreitar.
“Sem olhar para Matt, Stefan sorriu. Havia alguma coisa nova se agitando dentro dele, algo que eu não sentia há quase cinco séculos, a não ser com Elena. Aceitação. Calor e amizade partilhados com um companheiro, que não sabia a verdade sobre ele, mas confiava nele mesmo assim.”
Tudo aquilo que ela tinha ou representava em Fell’s Church já não existe uma vez que seu namorado é o principal suspeito dos mistérios que vem ocorrendo na pequena cidade. A partir daí começamos a ver nascer uma mulher forte que utiliza sua habilidade de não desistir até consegui o que quer para algo maior do que a si mesma.

Mas no momento a maior preocupação é evitar que o conteúdo do diário venha à tona e possa por em risco a vida de Stefan, se livrar de Damon e poder finalmente viver esse amor. Mas será que isso é possível?
“Elena quase perdeu a consciência quando Caroline sacou o diário. Faíscas brilhantes percorriam a beira de sua visão. A vertigem aumentou, prestes a dominar Elena, quando ela percebeu uma coisa.”
Eu simplesmente devorei o livro, é uma leitura motivadora e cheia de surpresas, umas não tão surpreendentes, mas a maioria nos leva a uma necessidade de continuar a acompanhar a série literária para confirmarmos nossas hipóteses ou apenas para descobrimos o final de tudo isso.

L.J. Smith consegue fazer uma seqüência dos fatos de uma maneira tão interligada que nos envolve. Gosto muito do estilo da autora e dos personagens. Sou fã de Elena, no início ela se mostra forte porém bem egoísta, no decorrer da história ela move sua força para um objetivo maior além de suas vontades. Se não fosse a série de TV eu seria sempre Stefan, mas com aquele Damon maravilhoso da telinha...não há como resistir..kkkk.

Espero que gostem da dica, apreciem essa leitura e afirmo que não conseguirão para de ler a série literária e assistir ao seriado na TV!

Comentem o que vocês acham e quais suas expectativas para o fim dessa trama. Bjs, t+.

Continue Lendo

terça-feira, 13 de março de 2012

Filme: "Motoqueiro Fantasma- Espírito de Vingança"

Oi! Hoje vou falar um pouquinho sobre esse filme que ficou muito bem colocado nessa primeira semana de exibição nas bilheterias.
Nicolas Cage volta a interpretar Johnny Blaze, o motoqueiro que, para salvar seu pai, fez um pacto com o diabo e hoje vive na pele a transformação de homem para um demônio.


Para quem ainda não conhece esse primeiro filme, aqui está o TRAILER e a sinopse, de acordo com o FILMOW é a seguinte: “Johnny Blaze (Nicolas Cage) trabalha como dublê e piloto de motocicleta. Há muito tempo ele fez um pacto com Mefisto (Peter Fonda) para proteger as duas pessoas que mais amava: seu pai, Barton (Brett Cullen), e sua namorada de adolescência, Roxanne Simpson (Eva Mendes). Em troca Johnny se transforma à noite no Motoqueiro Fantasma, o justiceiro de alguns demônios bastante cruéis. Forçado a obedecer as ordens de Mefisto, Johnny decide enfrentá-lo de forma a usar sua maldição para proteger pessoas inocentes.”

Agora, quanto ao segundo, as impressões são muito boas. Gostei da atuação do Nicolas, novamente. Eu o considero um ator muito bom. As cenas de ação e o suspense em volta do filme também valem a pena. Fora que eu curti muito os efeitos, achei um filme bem produzido nesse sentido.
Achei também um filme bem rápido. Ótimo para quem não tem muito tempo de ir ao cinema de dia de semana!

Aqui está a sinopse o site CINEPOP sobre o filme: 'Motoqueiro Fantasma 2: O Espírito da Vingança' acompanha um Johnny Blaze tentando controlar sua maldição, escondido do mundo. Logo no começo do filme, um flashback relembra o acordo com Mefistófeles, que o tornou no Motoqueiro. Quando o religioso Moreau o encontra, Johnny decide ajudá-lo a encontrar Nadya e Danny, sua mulher e filho. Eles terão que combater o malvado Roarke, velho conhecido de Johnny.

Continue Lendo

segunda-feira, 12 de março de 2012

[Gastronomia e Literatura] Pão-de-Mel: Capítulo Trinta

Bom Dia Pessoas,

A nossa aventura fica mais elaborada a cada página que passa, não é verdade? Então, por que não prepararmos uma receita mais elaborada? Quem aceita o desafio levanta a mão...

Bem sabemos que Danny, meio-irmão de Cyd, é um excelente confeiteiro e também sabemos que Cyd e que sua meia-irmã, Rhonda, não se dão nada bem.

Danny e seu namorado criam uma situação que as coloca frente a frente para uma conversa, a famosa lavagem de roupa suja. Mas o que nos interessa agora é o que há entre elas, um lindo e delicioso pedaço de bolo. Sim, UM único pedaço, para que elas compartilhem.

Dentre as inúmeras receitas de bolo que existem, escolhi uma clássica, que além de ser o meu sabor preferido, exprime bem a relação frágil delas, Bolo Floresta Negra.

Vamos para a receita:

Continue Lendo

domingo, 11 de março de 2012

Resenha: "Os Homens que não Amavam as Mulheres" (Stieg Larsson)

Por Sheila: Queria muito escrever essa resenha, mas acabei travando desde a leitura do livro. Aliás, ainda não consegui me recuperar das sensações que me despertou e não vejo a hora de ler o restante da história - sim, "Os homens que não amavam as mulheres" é uma trilogia, primeira parte da série Millennium. Apesar de um mistério ser solucionado na primeira parte, o livro é muito mais do que o argumento inicial nos faz sequer supor.

O eixo central do enredo, e que vira o fio da teia que une os personagens complexos de Larsson, é um antigo mistério envolvendo a proeminente e rica família Vanger: afinal o que houve com Harriet? Logo no prólogo, somos apresentados ao "mistério das flores" - e que permanece um mistério por um bom tempo, já que o autor escolhe por contar o livro através de histórias paralelas envolvendo os personagens.
Acontecia todos os anos, quase como um ritual. O homem que recebia as flores festejava naquele dia seus oitenta e dois anos. Ele abriu o envelope e retirou o papel de presente do embrulho. Depois pegou o telefone e digitou o número de um ex inspetor de polícia (...)
- Ela chegou, suponho. E então, qual é a flor deste ano?
- Não faço a menor idéia. Vou mandar identificá-la. Uma flor como sempre.
- Nenhuma carta como sempre?
- Não, apenas a flor.
Após desligar o telefone, o homem que festeja seus oitenta e dois anos permanece imóvel por um longo momento, contemplando a bela mas insignificante flor, cujo nome ainda não conhecia. Em seguida, ergue os olhos para a parede acima da escrivaninha. Havia 43 flores penduradas, prensadas sobre vidros e emolduradas ...
As flores, que chegam os anos, fazem parte do mistério do desaparecimento de Harriet, o que vira uma obsessão do patriarca da família, Henrik Vanger. Para tentar solucionar o quebra-cabeças - o desaparecimento se deu em circunstâncias incomuns, algumas vezes dito no livro como tendo semelhança com o enigma da morte no quarto fechado por dentro - Vanger contrata o jornalista Mikael Bolkvist à vir a ilha onde parte do clã tem residência, e palco do que Vanger acredita ser um assassinato impune a 40 anos, e que tem em sua própria família os principais suspeitos.

Mikael é um dos co-proprietários da revista Millennium, saindo de um processo judicial difícil por calúnia e difamação contra um proeminente empresário, Hans-Erick Wennerstrom. Sendo um jornalista investigativo, tentou denunciar um esquema de fraude sem sucesso. Com sua credibilidade abalada, resolve retirar-se da revista, quando é chamado por Vanger que lhe faz uma proposta irrecusável: seu tempo por um ano, tendo em troca alguns milhões e a cabeça de seu rival em uma bandeja caso consiga resolver o mistério.

Em paralelo, Larsson nos narra a história de Lisbeth Salander. Descrevê-la como uma hacker brilhante com problemas em estabelecer vínculos é reduzir a quase nada sua personalidade dúbia e perturbadora. Nas palavras de seu empregador na Milton Security - seu elo inicial com Mikael
Ela não só parece perturbada - aos olhos dele ela era o próprio sinônimo para perturbação - como também abandonara a escola e não tinha nenhum estudo superior.
Armanskij teve dificuldade em se habituar ao fato de seu melhor cão de guarda ser uma jovem pálida, de uma magreza anoréxica, com cabelos quase raspados e piercings no nariz e sobrancelhas. Tinha a tatuagem de uma vespa no pescoço e uma faixa tatuada ao redor do bíceps do braço esquerdo. Nas poucas vezes em que Lisbeth usara uma regata, Armanskij constatara que ela também tinha uma tatuagem maior na omoplata, representando um dragão. Parecia estar sempre chegando de uma semana de farra na companhia de uma banda de heavy-metal.
Por mais que o livro seja montado através de histórias paralelas - os Vanger e seus segredos, Mikael e seu conflito particular com Hans-Erick Wennerstrom, além do caso com sua co-editora Erika, Lisbeth e sua vida complicada - Stieg Larsson consegue fazer com que todas estas acabem convergindo a um ponto só em certa altura da trama. Além disso, por mais que seja Herriet quem une estas diferentes personalidades, ela parece ser só a causa. É na vida destes personagens que a narrativa de fato se localiza, sem deixar de manter o suspense em torno do caso e sem deixar nenhuma ponta solta pelo caminho.

Como pano de fundo, mostra como tanto no plano micro como macrossocial - representados aqui tanto pelos indivíduos como pelas instituições como um todo - podem ser sádicos, cruéis e injustos com àqueles que vivem à margem da sociedade. É interessante como cada início de capítulo traz citações a respeito de estatísticas de crimes perpetrados contra mulheres na Suécia (ah sim, o autor é sueco, por isso os nomes difíceis), homens que, definitivamente, "não amam as mulheres".

Recentemente foi lançado nos cinemas o remake do filme - que já havia sido filmado na Suécia , que esta sendo bem recebido pela crítica. Com direção de David Fincher, a versão hollywoodiana promete mais fidelidade ao livro. Como ainda não assisti, não posso dar minha opinião a respeito. Mas o livro é simplesmente surpreendente, e acabo a resenha sem saber se realmente consegui escrever algo que faça jus a este thriller de tirar o fôlego.

Continue Lendo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Layout de Giovana Joris