domingo, 31 de março de 2013

Resenha: "O Príncipe da Névoa” (Carlos Ruiz Zafón)

- Clique aqui para ler outras resenhas de livros desse autor.

Por Juny:
Trago hoje um resenha difícil de escrever, afinal é um livro do meu amado autor Carloz Ruiz Zafón. Esse foi o primeiro livro que ele escreveu e faz parte de uma série de livros juvenis, que envolve também os livros “O palácio da meia-noite”, “As luzes de setembro”, ainda inéditos no Brasil, e também “Marina” (resenha aqui).

No inicio tem uma breve nota do autor, que pra mim mais pareceu uma conversa com um velho conhecido. Já adianto que o fato desse livro ser juvenil não significa uma história feliz e bobinha, assim como todos os outros livros de Zafón há um misto de gêneros e sentimentos durante a leitura, temos suspense, terror, romance e mistérios. É impossível classificar o livro com apenas um gênero.

Tudo começa quando a família de Max se muda para uma cidadezinha no litoral para fugir das mazelas da guerra. Seu pai está muito otimista com a mudança, ele é relojoeiro e pretende montar uma loja na nova cidade. Max a principio esta muito triste por largar seu antigo lar e seus amigos. Sua mãe está um pouco receosa e suas irmãs parecem indiferentes.
“Soube então que não importava qual era o destino daquela viagem, nem em que estação o trem ia parar; daquele dia em diante, nunca mais viveria num lugar onde não pudesse ver, toda manhã ao acordar, aquela luz azul ofuscante que subia até o céu como um vapor mágico e transparente. Era uma promessa que fazia a si mesmo.”
A nova casa é cercada por um mistério, os antigos proprietários demoraram muito tempo para conseguir ter um filho e alguns anos após a alegria do nascimento de Jacob, ele morreu afogado. Tudo nessa história é estranho e cheio de pontas soltas. Para completar o clima sinistro há um jardim de estátuas nos fundos da casa, com figuras circenses. Também houve há alguns anos um misterioso naufrágio com apenas um sobrevivente, que intriga Max.
“A mão da figura, que segundos atrás estava com punho fechado, agora estava aberta, com a palma estendida no gesto de quem faz um convite. Por um momento, Max percebeu que o ar frio do amanhecer queimava em sua garganta e sentiu o coração palpitar em suas têmporas. (...) Sem pensar duas vezes, começou a correr e dessa vez não olhou para trás até chegar a cerca de madeira do pátio de sua casa.”
Com todas essas evidencias só resta a Max querer investigar o que há em comum em todos esses fatos. Ele conta com a ajuda de sua irmã, Alicia, e também de seu novo amigo Roland. Os três se tornam inseparáveis. Só lendo para saber no que isso vai dar.

Max é um personagem adorável, muito esperto e cheio de coragem. Alicia é a irmã enigmática que acaba se aproximando de Max durante essa aventura. E Roland é a chave de toda essa questão, conhece uma parte desses mistérios e tem uma participação marcante.
“Quando o cansaço por fim venceu a excitação acumulada durante o dia, os últimos pensamentos de Roland enquanto mergulhava num sono profundo não foram para a misteriosa incerteza que se fechava sobre eles, nem para a sombria possibilidade de ser convocado no outono. Naquela noite, Roland dormiu placidamente nos braços de uma visão que o acompanharia para o resto de sua vida: Alicia, vestida apenas pela claridade da lua, mergulhando sua pele branca num mar de luz prateada”
Embora haja aventura e um belo romance adolescente, o que mais me chamou a atenção foi o clima sinistro, centralizado na figura de um palhaço macabro e na história do Príncipe da Névoa. O mistério é de muita qualidade, difícil de descobrir com antecedência e com um final surpreendente e tenso. Zafón mais uma vez mostra porque é um autor tão aclamado. Só me resta recomendar MUITO essa leitura.

Continue Lendo

Ofertas por ai #15

Estamos de volta! Que tal curtir esse fim de feriado aproveitando essas ofertas maraaaa? Escondam os cartões de crédito!

Esse post pode ser atualizado a qualquer momento com mais novidades! ;D
Os preços informados aqui valem para o dia da postagem, afinal as Lojas Virtuais os mudam o tempo todo e não nos responsabilizamos por essas mudanças.

Para ver as ofertas anteriores clique aqui.
Clique nos links (em vermelho) para acessar as ofertas. ^^


Box e Coleções

Livros

Continue Lendo

sábado, 30 de março de 2013

#PROMO Kit "Os Irmãos Sullivan"


Que tal ganhar os 3 livros já lançados de uma das séries hot mais comentadas do momento? Um sortudo vai levar pra casa:

    Continue Lendo

    #Resultado das Promoções de Março

    Confira aqui o resultado das seguintes promoções:

    • Morte Súbita
    • As vantagens de ser invisível
    • Box de As cronicas de gelo e fogo 
    • Finale

      Continue Lendo

      sexta-feira, 29 de março de 2013

      Happy Hour #36 - Ovos de Páscoa

      Oi gente! Tudo bom com vês? Espero que sim, hein. Aquele feriado pra dar uma descansada, visitar a família (pra quem mora fora), se divertir ou simplesmente relaxar. Bom demais. '-' Mas antes de começarmos com o assunto de hoje, queria dizer que fiquei muuuuito feliz com o carinho de vocês na Happy Hour #35 - Bibliotecas Particulares! Eu também surtei com aquele post, vocês não estão sozinhos. Agradeço muito à todos que comentaram. *-*

      Como estamos na véspera da Páscoa, não podia deixar de falar sobre o assunto aqui, né? Ano passado fiz um Mini Especial de Páscoa, divido em dois posts. Quem não leu, não perca tempo. Clique aqui para ler. Pois bem, hoje vamos falar, especificamente, de um dos maiores ícones da páscoa, que é Ovo de Páscoa. Bora lá? 

      Continue Lendo

      quinta-feira, 28 de março de 2013

      [Gastronomia e Literatura] Siri - Capítulo Doze

      Essa mensagem faz parte de uma série de postagens, capítulo a capítulo, com receitas inspiradas no enredo do livro "Siri" (Rachel Cohn). Para ver as receitas anteriores clique aqui


      Olá Pessoas,

      Para o capítulo dessa semana não há muito o que falar, na verdade é que o único fato realmente interessante é que finalmente CC perdoa Autumn. É claro, após entender como é a política sexual de Ocean Beach.


      Mas vamos deixar de enrolação porque nossos Crepes não ficarão prontos do nada.



      Continue Lendo

      quarta-feira, 27 de março de 2013

      Resenha: "Lua de Mel" (James Patterson e Howard Roughan)

      Por Sheila: Oi pessoas! Como vão? Hoje a resenha será a respeito do livro do mundialmente famoso autor James Patterson, em co-autoria com Howar Roughan (desse eu nunca havia ouvido falar). Autor das séries com o detetive Alex Cross e do Clube das mulheres contra o crime (já foram publicadas algumas resenhas aqui) este é o primeiro livro de uma série (de, confesso, não sei quantos ...), provavelmente tendo por protagonista o detetive Jhon O'Hara, que faz sua parição neste livro.

      Mas vamos à resenha: Nora é uma mulher linda e sedutora, que chama atenção da população masculina em qualquer lugar que passe. Designer de interiores, Nora é além de bonita bem sucedida profissionalmente, refinada e bem relacionada no ramo em que trabalha. Além disso, recentemente ficou noiva de um de seus clientes podres de rico, Connor, com quem acaba tendo alguns desentendimentos em função de seu trabalho.
      Nora podia sentir que Connor a observava.
      Era sempre assim quando ela arrumava a mala para uma de suas viagens : ele encostava o corpo de 1,90m na porta do quarto, enterrava as mãos nos bolsos da bermuda Dockers e franzia a testa. Ele detestava a ideia de ficarem separados.
      - Não vá -  disse ele, com voz profunda... então, onde fica esse cliente que obriga você a trabalhar num domingo?
      Acontece que esse cliente não é um cliente qualquer: o que fica muito evidente logo nas primeiras páginas desta estória, fazendo-nos refletir sobre quem, realmente, é Nora Sinclair, designer de interiores.
      Enquanto caminhava até as imensas portas duplas do velho sobrado, Nora enfiou a mão bolsa para pegar a chave que recebera ao ser contratada por Jeffrey Walker. Com uma casa tão grande e uma campainha temperamental, o próprio Jeffrey pedira que ela entrasse sozinha (...)
      - Nora, é você?- disse uma voz no topo da escada.
      - Você estava esperando outra pessoa? - perguntou ela. -  Tomara que não.
      Jeffrey Walker desceu apressadamente até o saguão, pegou Nora nos braços e a girou no ar. Os dois se beijaram durante um minuto inteiro. Então se beijaram novamente.
      E aqui descobrimos algo importante: Nora, que acaba de ficar noiva de Connor, é casada com Jeffrey Walker, escritor de romances de banca com quem se casou fora do país numa cerimônia não legalizada nos Estados Unidos. Começamos então a ver um padrão: os relacionamentos de Nora são de estados totalmente diferentes, as amigas não conhecem seus parceiros, seus contatos profissionais não conhecem seus amigos nem relacionamentos íntimos.

      Por que Nora tem tantos segredos? Por que esta vida de identidades múltiplas? Quando Connor morre de um infarto em sua mansão, o agente Jhon O'hara do FBI é contrata para segui-la  e investigá-la. Afinal, eles acreditam estar lidando com uma viúva negra.
      As coisas nem sempre são o que parecem.
      Num instante, estou bem.
      No instante seguinte, estou curvado, com a mão na barriga, em pura agonia.
      Que merda esta acontecendo comigo?
      (...)
      Se ao menos fosse o Anjo da Morte para me tirar deste sofrimento torturante.
      Mas não é ... não ainda. Então me dou conta de que talvez nunca venha a saber o que me matou nesta noite. Mas sei com certeza quem foi.
      Agora, Jhon terá de ser o mais profissional possível e juntar provas que possa colocar Nora atrás das grades. No entanto, isto se torna cada vez mais difícil, já que o agente do FBI acaba se envolvendo na teia de mentiras e dissimulações que envolvem Nora Sinclair. Um jogo arriscado, em que a paixão se mistura ao dever, e que é impossível prever o desfecho.

      Confesso que foi um livro que me surpreendeu, já havia lido outros títulos do autor que não haviam me deixado com a sensação de que "as páginas viram sozinhas" - o que vem escrito nas contracapas de todos os seus livros. Um livro de ação, que me deixou tensa em alguns momentos e ansiosa pelo desfecho, que realmente não era de forma alguma o que eu esperava. Recomendo!

      Continue Lendo

      terça-feira, 26 de março de 2013

      Resenha: “Frango com Ameixas” (Marjane Satrapi)

      Juny: E hoje trago mais uma resenha de um quadrinho da Marjane Satrapi, autora de “Persépolis” (clique aqui para ler a resenha) e “Bordados”(clique aqui para ler a resenha).

      Diferente dos anteriores, em “Frango com ameixas” não temos um relato biográfico da autora e nem o clima descontraído de “Bordados”, nesse livro conhecemos a história do tio de Marjane, Nasser Ali, um artista cheio de sensibilidade e melancolia.

      Tudo começa com Nasser em busca de um novo “tar” (instrumento musical de cordas da tradição persa), pois sua mulher em uma discussão acabou quebrando-o. Sua insatisfação sem o instrumento é imensa e nenhum outro consegue substitui-lo, ele perde a vontade de tocar, fica em depressão e decide morrer. E dia 22 de novembro vemos o seu velório.

      Só que entre a decisão de morrer e o velório são 8 dias que são mostrados um por um no decorrer do quadrinho. Nele conhecemos todos os dramas familiares de Nasser, suas escolhas e consequencias, e principalmente a renuncia ao seu grande amor. Marjane mostra a cada capitulo o quanto é complicada a vida dele e como sua morte vai chegando aos poucos.

      É muito fácil pensar no começo que ele decidiu morrer por causa de sua musica, por não ter mais o seu tar especial, mas o final surpreende, mostrando algo que realmente o fez sofrer e motivou a decisão. E se eu alguém por curiosidade quiser saber o motivo do título do quadrinho ("Frango com ameixas") é porque é a comida favorita do protagonista (clique aqui para conhecer a receita).

      É incrível como Marjane consegue nos mostrar de forma tão poetica através de seus desenhos a triste história de seu tio, uma leitura rápida, mas com um grande significado. Recomendo!

      Continue Lendo

      domingo, 24 de março de 2013

      Resenha: "Unika - A Chama da Vida" (E.J.Allibis)

      Por: Cari Vieira - Unika - A Chama da vida é o primeiro livro da série de dois que será publicada pela editora Universo dos Livros. O autor italiano usa o pseudônimo E. J. Allibis e pelo que pesauisei ele se recusa a dar qualquer informação sobre si mesmo. Na contracapa explica-se que E. J. Allibis "é uma entidade atemporal que vive entre os horizontes do mundo." Vale a pena destacar que Allibis é um dos personagens do livro, uma espécie de oráculo.

      A história nos coloca em contato com Sefira, um lugar paralelo, abaixo da terra, onde vivem os anjos. Unika, que dá título ao livro, é um anjo que vive ali com seus amigos: Yesod, um anjo que pode assumir forma de dragão, Metatron, o governante de Sefira e Nishida um elfo transformado em anjo como recompensa pela sua lealdade.

      Além destes personagens somos apresentados a três jovens humanos Eve, Jo e Zack que percebem que vivem normalmente até que estranham o fato de estarem sendo seguidos e uma série de acontecimentos que passam a se suceder. Eles conhecerão o professor de teologia Craig Walden que os acompanhará na tentativa de desvendar o mistério que os rodeia.

      Sefira está ameaçada por Ophidiel, ele era um anjo, mas foi enviado como prisioneiro para a floresta por render-se ao mal. Ele consegue acumular poderes e pretende dominar Sefira e a Terra, para isso precisa adquirir as Entidades Fundamentais (a Chave para a Felicidade e a Chama da Vida). 
      "-Ophidiel está tentando retornar, ele quer tomar posse do posto que lhe foi proibido. Ele precisa da Chama da Vida e da Chave para a Felicidade para gerar um exército de anjos maus para governar o mundo."
      Estas entidades foram separadas, para evitar o acesso do mal a elas. A Chama da Vida foi enviada para a terra, guardada no coração de um anjo e a Chave para a Felicidade ficou em Sefira. O anjo que vive na Terra desconhece suas origens e o que guarda. 

      Já deu para perceber que um dos três humanos personagens principais da trama, é o anjo certo? Agora qual deles? E quem ganhará a batalha entre o bem e o mal (Adlivun)? aí vocês terão que ler o livro ;)
      "- Um de vocês é o motivo do problema. E temos que torcer para que possa ser também a solução."
      Na primeira parte da história contada em 3ª pessoa, se alternam passado e presente. O presente na cidade de Marple Town (onde vivem Eve, Jo e Zack) e o passado, algumas horas antes do renascimento. as duas outras partes , são narrativas dos acontecimentos que antecedem e culminam no Adlivun.
      "Adlivun. O som sinistro daquele nome tão temido contorcia-se como uma cobra no murmúrio surdo da multidão; propagava-se como uma onda sísmica que atingia e angustiava Metraton."
      Eu confesso que não são muito fã de histórias de anjos, fadas ou elfos, de qualquer maneira vale ressaltar que o enredo dessa história é bastante criativo e interessante, entretanto, achei a leitura cansativa e com muitas descrições. Por ser direcionada para o público jovem a história é bastante delicada e traz menção a valores importantes na nossa formação como ser humano.

      Em minha opinião, trata-se daquele tipo de livro que você ama ou detesta, por isso o indico para aqueles que gostam de se surpreender com uma leitura.

      Continue Lendo

      quinta-feira, 21 de março de 2013

      [Gastronomia e Literatura] Siri - Capítulo Onze

      Essa mensagem faz parte de uma série de postagens, capítulo a capítulo, com receitas inspiradas no enredo do livro "Siri" (Rachel Cohn). Para ver as receitas anteriores clique aqui

      Olá Pessoas!

      CC, a garota rebelde, está de volta. Toda aquela paz que reinava entre ela e a mãe sofre uma ruptura em uma linda manhã. Justo na primeira vez que CC recebe a visita de uma amiga em sua mansão, e claro uma inimiga.


      Quanta saudade CC tem das Panquecas de Amora da psicótica da Leila. E vamos ajudá-la a matar essa saudade, porém com um toque bem brasileiro (e sofisticado) pelo chef Aldo.

      Vamos à receita.

      Continue Lendo

      quarta-feira, 20 de março de 2013

      #PROMOÇÃO Kit Editora Rocco by Dear Book 2


      E a promoção "Kit Editora Rocco by Dear Book" está de volta! Que tal concorrer a esses super livros de distopia? Um sortudo vai levar pra casa:

        Continue Lendo

        Resenha: "101 Coisas para fazer antes de casar, engravidar ou envelhecer” (Sarah Ivens)

        Por Juny: Assim que vi sobre o lançamento desse livro fiquei super interessada e só sosseguei quando consegui trocá-lo no Skoob (viva o skoob plus!).

        “101 coisas para fazer antes de casar, engravidar ou envelhecer” da autora Sarah Ivens se divide entre uma lista engraçada e com dicas realmente interessantes. Os capítulos dividem as dicas por categorias:

        - Garota Glamurosa
        - Amiga de Verdade
        - Amigona Amante da Moda
        - Aventureira
        - Viajante Internacional
        - Mente Livre
        - Geek e Chique
        - Especialista em Beleza
        64 – Monte em um touro mecânico
        Um dos maiores divertimentos que você pode ter em um bar não é mostrar suas partes intimas ou beijar o barman. É subir em um touro mecânico! Vou revelar um pequeno segredo: eles são tão apavorantes quanto parecem!
        Não tem como não se divertir com esse livro, além de pegar ótimas dicas. Tem de tudo, desde alongamento de cílios (juro que eu não conhecia!), comprar um vibrador (para as de mente livre), construir uma arvore genealógica (para conhecer mais o seu passado familiar), como encontrar o jeans perfeito (uma missão quase impossível!), comer uma carne exótica (é preciso coragem!), enfim, são bem amplas as dicas abordadas por Sarah.
        88 – Entregue-se ao prazer de uma grande obra literária
        “Não há nada mais divino do que se aconchegar com um livro maravilhoso numa tarde chuvosa e fria. Acalentada por um pijama de flanela, fortificada por um chá quente com biscoitos, adoro como cada página nova traz momentos de puro prazer.
        A arte de desfrutar bons livros – ou vadiar com literatura, como prefiro chamar isso – desapareceu em nossos dias (...)”
        As que eu mais gostei foram as de moda, beleza e viagens. As dicas são numeradas de 1 a 101, em cada dica primeiro a autora faz seu comentário e depois vem o “Eu não sou a única...” com depoimentos de outras mulheres sobre o assunto e no final “Mas se você não pode....” dando opções para as menos ousadas que não fariam tal situação ou não podem fazer por outras questões, mas que podem fazer outras coisas parecidas que podem ser tão boas quanto.
        55- Sente-se em Machu Picchu para contemplar

        (...) Alberto, nosso guia, fala sem parar sobre os incas e suas crenças, e nos conta que Machu Picchu é o lugar perfeito para cultuar a Mãe Natureza: o céu, o sol, a vida e a morte, o arco-íris, todos se encontram aqui.

        Escuto tudo aquilo, mas não estou ouvindo nada.
        O único som que consigo ouvir é o da beleza e da espiritualidade (...)”

        Se você não pode ir a a Machu Picchu para contemplar...

        Embarque em outra viagem que signifique algo para você. Você sempre se sentiu atraída por determinado lugar ou determinada cultura? Se é esse o caso, algo dentro de você está dizendo que você precisa ir. Faça um esforço e vá. (...)
        Um guia divertido, com coisas que toda garota realmente deveria fazer antes de “começar a levar a vida mais a sério”, quando casar, engravidar e envelhecer, para não ficar frustrada e ter a certeza que aproveitou a vida e está pronta para essas outras etapas. Aderi à alguns preceitos de Sarah, antes que seja tarde demais, afinal já cheguei 25 anos e sei que muita coisa já está mudando e ainda vai mudar. Recomendo a leitura!

        Continue Lendo

        terça-feira, 19 de março de 2013

        Kindle Paperwhite no Brasil!

        Eu tinha que fazer um post sobre isso! Um lançamento que muitos esperavam finalmente chegou ao Brasil!

        O Kindle Paperwhite, a evolução do Kindle Touch (versão que eu comprei ano passado nos EUA e tem review do Leonardo aqui), na minha opinião é o melhor custo beneficio para leitura de ebooks na atualidade. 

        Eu acho que o Touch Screen faz toda a diferença num eReader, pois da agilidade na leitura, na marcação de citações, na mudança de paginas, enfim. Não vou me esgotar aqui, pois como já disse, já fizemos uma review de modelo semelhante, mas segue abaixo as caracteristicas do produto e onde ele está disponível para compra. Outra coisa que gostaria de dizer é que, na minha opinião, o Wi-Fi já é suficiente para baixar seus livros no Amazon, acho que o 3G não é essencial.

        Kindle Paperwhite – O eReader mais avançado do mundo
        • Tela sensível ao toque e com resolução imbatível, iluminação própria e 8 semanas de duração de bateria fazem do Kindle Paperwhite o eReader mais avançado do mundo
        • Sistema exclusivo e inovador proporciona iluminação ideal para leitura – tanto sob o sol da praia quanto em um quarto escuro
        • Mais leve que um livro de bolso e capacidade para mais de 1.100 eBooks: leve sua biblioteca para onde você for
        • O maior catálogo de livros com os melhores preços
        • A opção com 3G grátis permite descobrir e baixar eBooks em mais de 100 países, sem mensalidades, contratos ou custos extras
        Onde comprar?

        Por enquanto, na internet, só está disponivel no site do Ponto Frio:

        Continue Lendo

        Filme: "OZ- Mágico e Poderoso"


        Creio que todos vocês já conheçam ou pelo menos já ouviram falar na história “O Mágico de Oz”, um clássico infantil.
        Agora, o mais novo lançamento da Disney conta sobre os eventos anteriores à essa história conhecida. Ainda não tem a Doroty nem o Homem de Lata que tanto me encantam.

        James Franco (da trilogia “Homem Aranha” e de “O Planeta dos Macacos”) vive Oscar, um mágico de caráter duvidoso que faz seus shows de ilusionismo junto com alguns ajudantes. De tempos em tempos, uma bela ajudante é contratada para ajudá-lo também e ele sempre a presenteia com uma caixinha de música.

        Porém, um certo dia, após uma grande confusão, o mágico é levado em seu balão para uma terra desconhecida e logo ele é acolhido por Theodora (Mila Kunis, de “Amizade Colorida” e “Cisne Negro”), explicando a ele que essa terra se chama OZ e o Oscar veio justamente para salvá-la de uma Bruxa Má.
        Se derrotar a tal bruxa, ele ganhará fama e fortuna, tudo o que sempre quis.

        Porém, a tarefa não vai ser nada fácil, pois nem ele acredita em seus próprios poderes.

        Continue Lendo

        #Promo "Eu amo Romances"


        O Dear Book e os blogs Sir James Matthew, O Livreiro, Burn BookAmiga da leitoraLost Girly Girl, se juntaram para sortear cinco super romances maravilhosos! Premiaremos 2 leitores, sendo que o primeiro lugar poderá escolher entre os seguintes livros: O Livro do Amanhã, Romeu Imortal, Dizem por aí…, A Promessa, Uma Curva na Estrada.

        Continue Lendo

        domingo, 17 de março de 2013

        Resenha: "Gregor e a Segunda Profecia" (Suzanne Collins)

        - Pode haver spoilers para quem não leu "Gregor, o Guerreiro da Superfície", primeiro volume da série.

        Por Gabi: Oi gente! Hoje venho trazer o segundo volume da série "As Crônicas do Subterrâneo", da autora consagrada por Jogos Vorazes, Suzanne Collins. Para ler a resenha do primeiro livro, clique aqui

        Depois de se safarem da Profecia Cinzenta, Gregor, Boots e o pai voltaram para a superfície e retomaram suas vidas, felizmente a tempo de passar o natal em família. 

        Para aproveitar a neve de Nova Iorque, Gregor levou a irmãzinha pra andar de trenó no Central Park e lá ela é sequestrada por uma barata gigante. 
        Ali, no chão. Aquela grande laje de pedra. Ela tinha sido removida recentemente; ele podia ver pelas marcas na neve e depois movida de volta para o lugar. Alguma coisa vermelha estava presa sob a beirada da pedra. Gregor puxou para fora. Era a luva de Boots. 
        O garoto não pensa duas vezes e parte rumo ao Subterrâneo em busca da irmã. Chegando lá, ele descobre que o rapto da irmã não é nada mais que um plano para trazê-lo de volta ao Subterrâneo e que está evolvido em outra profecia. O pior é que seus amigos de Regália lhe contam que a Profecia da Perdição indica que Bane, um temido e raro rato branco pretende matar Boots para desestabilizar o Guerreiro e, assim, dominar o Submundo

        Após seu primeiro treinamento para enfrentar essa nova empreitada, Gregor descobre que possui incríveis habilidades de luta, incríveis reflexo e agilidade na hora do combate, o que chamam de colérico. Além das forças do Guerreiro e seu vínculo Ares, o grupo que vai se jogar nessa aventura conta com Ripred e Twitchtip, uma rata trazida por ele que é uma vidente olfativa, ou seja, possui um olfato extremamente aguçado, além dos subterrâneos e seus respectivos vínculos: Mareth e Andromeda, Howard e Pandora. Para completar o comboio, ainda há a pequena Boots e a gigante barata Temp, sua fiel escudeira. 
        - E o que você vai fazer, habitante da Superfície? - Twitchtip perguntou.
        Gregor sentiu a última fagulha de calor desaparecer conforme o gelo passou por sua testa e chegou ao topo da cabeça. Não havia mais nada mais que qualquer pessoa pudessse fazer agora. Não havia mais nada a temer.
        - Eu? - ele disse. - Eu vou matar Bane. 
        Eles embarcam em uma incrível jornada pelos percalços do Caminho das Águas, até o Dédalo (lugar onde Ripred acha que os ratos estão escondendo Bane). Vão desbravando as terras mais inóspitas do Subterrâneo, com criaturas assustadoras e lugares inimagináveis. A narrativa de Collins é contagiante e a história não fica estagnada. A cada momento que vencem uma batalha rumo a seus objetivos, a profecia vai ficando cada vez mais clara. Mas o melhor de tudo é a grande surpresa no final. 

        Volto a dizer o que afirmei antes, apesar de ser um livro infanto-juvenil, vale a leitura. Se você procura um livro bem escrito, recheado de aventuras, suspenses, enigmas e criaturas que você nunca imaginou que pudessem ser criadas e, de quebra, ambientada em um mundo paralelo sob a cidade de Nova Iorque, não pode deixar de ler. Ah! Vale também como presente para as crianças, elas irão se deliciar e aguçar a imaginação.
        Se o de baixo caiu, se o de cima saltou,
        Se a vida foi a morte, se a morte a vida ceifou,
        Alguém ergue das trevas impuras

        Para cobrir o subterrâneo de sepulturas.
        Quanto à capa, não gostei muito dessa. Achei bem abstrata. Vaga. Mas fora isso a Galera fez um trabalho bem bacana no livro. O título em uma textura diferente e o livro sem erros de revisão (pelo menos não encontrei nenhum) e com uma diagramação simples, porém agradável.


        Continue Lendo

        sexta-feira, 15 de março de 2013

        [Séries] The Mindy Project


        I’m Back <3 I’m really back!! *todos comemoram e jogam confete*

        Finalmente a nossa coluna de séries está de volta depois de um hiato de quase seis meses O.o Peço desculpas pelo meu sumiço, mas por motivos de forças maiores – diga-se estágio + falta de tempo – acabei atrasando nas séries que acompanho, são cerca de 40, e como estava atrasada não teria nem uma indicação para lhes trazer....

        Mas, como vocês notaram, minha vida entrou nos eixos depois de meses atribulados, e algumas séries já estão ficando em dia na minha Watchlist <3 E por isso vim correndo trazer essa indicação para vocês...

        A comédia da FOX que está agradando a muitos e já garantiu sua Segunda Temporada ::: The Mindy Project


        Continue Lendo

        Happy Hour #35 - Bibliotecas Particulares

        Oi pessoal!! Como vão vocês? Ainda viajando pelos Museus Incomuns da Happy Hour #34?! Pelos comentários pude perceber que vocês curtiram o tema e uma leitora até me deixou uma sugestão de um próximo post. Está anotadíssima! ^.^ Muitoo obrigada pelos comentários. Amo o carinho de vocês. 

        Mas agradecimentos à parte, vamos ao que interessa, né! Como março é o mês do meu aniversário e justamente essa semana completei 19 primaveras, no dia 11, resolvi falar de um assunto que já venho pensando há um tempo e que é incrível. Além de ser um deleite aos nossos olhos, é ainda inspiração. Pois bem, hoje falaremos sobre as mais lindas, exuberantes e acolhedoras bibliotecas particulares. 

        Achei melhor nem fazer uma classificação desses lugares, pois são simplesmente incríveis, mas cada uma com suas particularidades. 

        De algumas vamos falar um pouco de sua história e o design, outras apenas com fotos e um breve comentário. Preparados?! 

        Continue Lendo

        quinta-feira, 14 de março de 2013

        Resenha: "Livro de Receitas para Mulheres Tristes" (Héctor Abad)

        Tradução por Sérgio Molina e Rubia Prates Goldoni

        Por Eliel: Qual seria a receita que qualquer pessoa busca? Seria à da felicidade? Ou a do amor?

        Héctor Abad traz respostas, por vezes, sem pé nem cabeça que vão ao âmago do sentimento e revelem as mais interessantes características que estão escondidas do nosso ser. Aquelas características que estão escondidas nos mais profundos vales da nossa mente e coração.

        Apesar de ter um titulo triste, o livro em si, trata dos mais diversos assuntos de forma bem divertida. A mulher pode começar a ler triste, mas dificilmente terminará como começou.
        "Os dias de cara ruim, aproveite-os em tarefas de recolhimento; os dias de cara boa, aproveite-os, sem mais."
        Embora Héctor fale diretamente à mulher como um bom amigo ele estende o convite aos homens para ouvir atentamente suas palavras.

        Não existem capítulos, não existe classificação, são apenas textos curtos que dizem mais do que muitos livros ou são textos longos sem noção que são mais repletos de emoção do que qualquer romance.

        Ironia e simplicidade são o que permeia cada página desse livro de receitas (ou seria um livro de autoajuda?). Um livro para ler diversas vezes em diversas situações e para não deixar ele se afastar de sua cabeceira ou da sua cozinha.
        "Uma regra de ouro culinária é: só confie em que provou."
        Apenas para que vocês possam sentir um pouco do gostinho que esse livro guarda à cada página segue o primeiro texto:
        "Ninguém tem a receita da felicidade. Na hora infeliz, de nada valerão os mais elaborados cozidos do contentamento. Se para algumas mulheres a tristeza é até motor do apetite, não convém empanturrar-se nos dias de angustia. O alimento na infelicidade, não é assimilado e cria gordura. As mais saudáveis beberagens liberam seu veneno quando tomadas por uma mulher aflita.
        Hábito salutar é jejuar nos dias de desgraça.
        Contudo, no meu largo trato com frutas e verduras com ervas e raízes, com músculos e vísceras de diversos animais silvestres e domésticos, descobri alguns atalhos de consolação. São cozimentos simples e de baixíssimo risco. Tome-os, no entanto, com cautela. O melhor remédio, para algumas é veneno. Mas faça a prova, tente. A tristeza constipa. Recorra ao purgante das lágrimas, não fuja ao suor. Findo o jejum, prove minhas receitas.
        Minha formula é confusa. Constatei que em minha arte poucas regras se confirmam. Desconfie de mim, não cozinhe minhas poções se a sombra de uma dúvida a assaltar. Mas leia este falacioso ensaio de feitiçaria: o encantamento, se valer, nada mais é que seu som – o que cura é o ar que as palavras emanam."
        Esse é apenas um dos conselhos contidos nesse livro de magia, de autoajuda, ou de receitas, ainda não consegui descobrir. Mas se você quiser tentar fique à vontade, esse será um livro que você deve ter sempre por perto.


        Continue Lendo

        quarta-feira, 13 de março de 2013

        Resenha: "O Clã dos Magos" (Trudi Canavan)

        Por Sheila: Olá pessoas! Como vão todos? Espero que todos indo muito bem. Hoje vou apresentar a vocês o primeiro livro de uma trilogia (nenhuma novidade, parece que todas as histórias são escritas desta maneira de uns tempos para cá)  intitulada "A Trilogia do Mago Negro". O livro I chama-se "Clã dos Magos" e é o livro onde seremos apresentados à nossa protagonista, Sonea, e a sociedade de Imardin, onde a mesma vive.

        A cidade de Imardin é mais que uma cidade: é um Reino, com seu soberano e súditos. Só que neste reino, anualmente, acontece um evento, denominado "Purificação". Neste dia, todos os Magos de Imardin dirigem-se à praça do reino para, com sua magia, expulsar as pessoas consideradas "vadias", "pobres ou arruaceiras do reino para fora das muralhas. Em função da renovação desta prática, ano após ano, criou-se uma nova cidade, conhecida pelos que vivem dentro das muralhas como Favelas.

        Sonea é uma garota simples  e pobre. Não é uma favelada, mas está próxima a se tornar, já que o rei decidiu que havia pessoas desfavorecidas demais dentro das muralhas neste ano. Assim, Sonea que até então lutava com seus tios para sobreviver lavando, passando e costurando para as famílias nobres de dentro das muralhas da cidade, serão despejados sem direito a nenhuma reclamação ou reivindicação, e passarão a habitar as favelas - onde já havia residido, mas lugar onde a sobrevivência se torna ainda mais difícil aqueles que não são de casas nobres. Isso faz com que Imardin se torne um lugar frio e triste.
        Dizem que em Imardin o vento tem alma e chora lamentosamente pelas ruas estreitas da cidade porque se entristece com o que encontra por lá. No dia da Purificação, ele assobiou por entre os mastros oscilantes da Marina, lançou-se através dos portões Ocidentais e silvou entre os edifícios. Então, como se empalidecido pelas almas atormentadas que lá encontrou, amansou até se tornar um lamento.
        Pelo menos assim pareceu a Sonea. Quando outra rajada de vento frio lhe açoitou, ela encolheu os braços no peito e apertou o casaco surrado contra o  corpo.
        A revolta de Sonea, o sentimento de impotência, é enorme. Junto com os componentes da gangue de jovens da qual um dia fez parte, acaba se dirigindo para a praça onde os magos já se posicionam, e algumas pessoas tentam organizar todo tipo de resistência e protesto, mesmo sabendo que isso de nada adianta. Muitos, como os antigos amigos de Sonea, enchem os bolsos de pedras que atiram contra os escudos dos magos, mesmo sabendo que é em vão. Afinal, como eles, pessoas comuns, poderão ir contra magia? Mas isto, está prestes a mudar.
        Uma ondulação de luz azul relampejou à saída da pedra, que em seguida atingiu a têmpora do mago com um baque surdo. O mago permaneceu imóvel, fitando o nada, até que seus joelhos dobraram. O companheiro avançou para apanhá-lo.
        (...)
        Sone abaixou a cabeça e olhou para as mãos. Funcionou. Quebrei a barreira, mas não é possível. A menos que ... A menos que eu tenha usado mágica.
        Começa agora uma cassada sem precedentes, em que os magos terão de se aventurar até as ruas fétidas e cheias de detritos das favelas para procurar essa nova maga, que ameaça desestabilizar a ordem mantida até o momento. Mas, enquanto alguns querem apenas encontra-la e impedi-la de voltar a realizar qualquer tipo de mágica, anulando seus poderes, há os que querem que ela se junte ao Clã.

        Mas será que os magos permitirão que uma favelada faça parte de sua seita exclusivista e cheia de nobres e aristocratas? E Sonea? Quererá ser uma das pessoas que "sua gente" tanto teme e odeia? Ou se juntará aos ladrões, que veem nela a oportunidade perfeita de expandirem seus negócios e dominarem ainda mais as favelas, lugar onde já são soberanos?

        Adoro livros de literatura fantástica e esse realmente não me decepcionou. Por mais que eu tenha achado algumas passagens um pouco monótonas, percebi ao final da leitura que diversas destas foram fundamentais á trama (e, confesso, também havia uma ansiedade minha de saber logo como a estória se desenrolaria).

        Uma trama bem construída, uma linguagem clara e acessível, apenas as palavras usadas pelas pessoas das "favelas" é escrita em linguagem não culta, mas me parece que a intenção da autora era justamente a de demonstrar a falta de educação e cultura a qual o povo estava submetido. No mais, um livro excelente! Aguardem a resenha do segundo (sim, eu já li!) Abraços.

        Continue Lendo

        terça-feira, 12 de março de 2013

        Filme: “Django Livre”

        Primeiramente, devo confessar uma coisa: sou muito fã dos filmes do Quentin Tarantino. Para mim, ele é um dos melhores. “Segundamente”, nem todo mundo é como eu. Nem todo mundo curte o estilo que o diretor/produtor/roteirista adota em seus filmes.

        Tarantino é fã de sangue, de palavrões, de brigas. TODOS seus filmes tem uma dose de tudo isso e mais um pouco.
        Mas também, ele deve ser fã de história porque, pelo menos com seus dois últimos filmes (Bastardos Inglórios e Django Livre) há muita história neles (com algumas coisas bem ficcionais, claro).


        Para mim, ele é um gênio que sabe o que fazer com uma câmera. Adoro seus filmes que trazem sempre um close aqui ou ali, uma sequencia de cenas geniais, enfim, vou parar de babar nele.

        Peço, portanto, licença para babar em um outro gênio. Esse que para mim é um dos melhores atores atualmente. E assim como Johnny Depp e Tim Burton, formou uma dupla perfeita com o diretor Tarantino. Estou falando de Christoph Waltz, o ganhador do OSCAR deste ano de 2013 na categoria “Melhor Ator Coadjuvante”. Categoria que já havia vencido em 2010, com uma atuação brilhante em “Bastardos Inglórios”, como o coronel Hanz Landa. Atuação essa que me deixou estupefata, abismada. Um dos melhores vilões que já vi. Interpretação majestosa. Realmente digna de OSCAR.

        Continue Lendo

        domingo, 10 de março de 2013

        Resenha: "Por um momento apenas" (Bella Andre)


        Por Juny: Voltamos a história dos irmãos Sullivan, “Por um um momento apenas” nos mostra o romance de Marcus, o irmão mais velho, dono do Vinhedo Sullivan. Lembrando que é um "livro hot", recomendado para maiores de 18 anos.

        Marcus logo no inicio descobre que sua noiva o está traindo. Fica furioso, embora perceba que no fundo não a amava de verdade. A situação o revolta, para extravasar os sentimentos ele quer curtir, recuperar o tempo perdido.

        Nicole é uma estrela da musica pop, tem muito talento para cantar, porém sua imagem criada pela imprensa não coincide com a sua real personalidade. Tudo piorou quando seu ex-namorado revelou detalhes de sua intimidade à imprensa. Essa traição a traumatizou, ela não quer entregar seus sentimentos e confiança a mais ninguém para se decepcionar.

        Marcus vai à uma balada e acaba conhecendo uma garota incrivelmente linda, a química entre os dois é imediata, eles decidem pegar um taxi e ir para “um lugar mais reservado”. Nicole acha estranho que o cara que conheceu na balada não a reconheceu, seria bom demais encontrar alguém no mundo que não saiba quem ela é. Para aceitar o convite, Nicole pede uma prova para Marcus que ele não é um psicopata, para isso ele pede para ela ligar para qualquer pessoa da agenda do seu celular, ela acaba ligando para a mãe dele, que dá ótimas referencias.
        “(...) Marcus se deu conta de que era disso que sentia mais falta. Não só daquele corpo extraordinário, não só daquela paixão, não só a maneira como ela sempre estava pronta para recebe-lo, como agora... mas o quanto ela era pura e inocente.”
        Uma noite que prometia ser bem agitada, acaba falhando quando Nicole dorme no trajeto do taxi. Marcus percebe que ela está muito cansada e a respeita. Eles passam a noite em uma das casas de Smith. Com isso, começa um romance conturbado, os dois prometem que vai ser um caso de apenas uma noite, mas as coisas acabam ficando cada vez mais complicadas. Os dois lutam para não se apaixonar, pois além de não quererem nenhum relacionamento devidos as recentes decepções, seria algo impossível, pois Nicole faz shows pelo mundo todo e Marcus tem um vinhedo para administrar... Como será que isso vai terminar?
        "Nicole percebeu, tarde demais, que Marcus acariciava suavemente sua mão com a ponta dos dedos, como se ela fosse um animal selvagem que precisasse ser acalmado antes de ser devorado. Após um único aperto de mão, e agora com esse carinho suave, ela se perguntou se algum dia ele seria capaz de tocá-la de uma maneira que não transformasse todas as suas células em geleia. Mesmo assim, sua carícia suave era incrivelmente calmante."
        Estranho dizer que nesse livro minha personagem favorita foi Nicole, ao invés de Marcus. Os capítulos narrados por ela foram bem mais interessantes, simpatizei com seus conflitos e atitudes.

        Gosto muito da conexão entre a família que vai sendo apresentada um pouco mais a cada livro, o fato de Chase e Chloe, que estão noivos, aparecerem em alguns momentos e também os outros irmãos. Me surpreendi com o Smtih, pena que o livro dele demorará a ser lançado, é um dos últimos.

        Achei o segundo volume da série MUITO diferente do primeiro, embora provavelmente foi intenção da autora acentuar a diferença de personalidade dos irmãos, Marcus está longe da minha lista de favoritos. A narrativa tem alguns termos mais vulgares que no livro anterior, a linguagem apresentada nos capítulos de Marcus é diferente do que foi apresentado com Chase no primeiro livro. Fora que tem um momento muito “WTF” em que você pensa estar lendo “Cinquenta tons de cinza”. Apesar de tudo isso, vou continuar com a série, quero muito conhecer os outros irmãos, grandes expectativas para o próximo livro, com o bombeiro, Gabe! Recomendo a série.

        Até então, a série conta com os seguintes livros:
        1. THE LOOK OF LOVE / Um olhar de amor (Chase) - Resenha aqui
        2. FROM THIS MOMENT ON / Por um um momento apenas (Marcus)
        3. CAN’T HELP FALLING IN LOVE / Não posso me apaixonar (Gabe)
        4. I ONLY HAVE EYES FOR YOU (Sophie)
        5. IF YOU WERE MINE (Zach)
        6. LET ME BE THE ONE (Ryan)
        7. COMO A LITTLE BIT CLOSER (Smith)

        Continue Lendo

        quinta-feira, 7 de março de 2013

        [Gastronomia e Literatura] Receitas Nerd

        Bom Dia Pessoas,

        Você sabia que os gênios do Vale do Silício também sabem cozinhar? Esse é o tema do projeto de Maya Baratz e Hunter Walk que escreveram o livro virtual The Startup Chef. O livro conta com as receitas favoritas de grandes personalidades do mundo da tecnologia, como o Google, Facebook e YouTube.

        Por enquanto, o livro conta com 75 receitas, mas a ideia do projeto é de ir acrescentado novas preparações aos poucos por meio de atualizações regulares, visto que esse projeto só existe na forma digital.

        Até o valor do livro é diferente, pode ser comprado por US$ 10,00 ou pelo valor cheio, US$ 20,00. Tudo por uma causa nobre: todo o valor arrecadado será usado para ajudar as vítimas do furacão Sandy, que atingiu o país no ano passado.

        Continue Lendo

        quarta-feira, 6 de março de 2013

        #PROMO: "O Atlas do Amor" (Laurie Frankel)


        Que tal ganhar um exemplar do livro "O Atlas do Amor" (Laurie Frankel)? Confira as regras e participe do sorteio!

          Continue Lendo

          Resenha: "Garota ♥ Garoto - Noite das Garotas vol 0.5" (Ali Cronin)


          Tradução por Cristian Clemente

          Por Eliel: Para quem acompanha as noticias do mundo literário já deve ter percebido a quantidade de livros que veem surgindo após o fenômeno 50 Tons com essa mesma temática é surpreendente.

          Em contra partida surge um movimento, digamos, Anti-50 Tons. Mas antes que alguém faça críticas do tipo: “Não se pode ir contra uma expressão de arte ou cultura” vou deixar que o próprio prefácio do livro explique:
          Caro leitor,

          Todo mundo sabe que há uma quantidade enorme de adolescentes lendo Cinquenta Tons de Cinza (principalmente na internet, escondido dos pais). O interesse sempre existiu, claro, e foi atiçado pelo fato de a trilogia Crepúsculo ficar prometendo o tempo inteiro algo que nunca acontece (ou que pelo menos não é mostrado). Mas há um longo caminho entre a caretice da relação de Bella e Edward e o sadomasoquismo do fenômeno literário de E. L. James. E é aí que entra a série Garota <3 Garoto. Os seis volumes – cada um deles focado em um personagem de um grupo de sete amigos de dezoito anos – tratam das primeiras experiências sexuais e das dúvidas e problemas que geralmente as acompanham. Quando é o momento certo? Como saber se é a pessoa certa? E se a pessoa certa estiver com a pessoa errada? Relacionamentos de verdade e sexo de verdade para adolescentes. É isso que esta nova série promete. Boa Leitura!
          Ali Cronin trabalhou em inúmeras revistas inglesas para adolescentes e foi responsável pelo site jovem da BBC antes de se dedicar totalmente á escrita. É autora de Skins, livro baseado na famosa série de TV. Acredito que ela tenha certa noção do assunto que trata essa série.

          Para quem se interessou pela série segue a previsão de lançamento dos próximos títulos:
          • Vol.1: NADA É PARA SEMPRE (Novembro de 2012)
          • Vol.2: DIZEM POR AÍ (Março de 2013)
          • Vol.3: TRÊS É DEMAIS (Julho de 2013)
          • Vol.4: LIÇÕES DE AMOR (Novembro de 2013)
          • Vol.5: A GAROTA CERTA (2014)
          • Vol.6: EU E VOCÊ (2014)
          Além dos livros serão disponibilizados (de graça) em e-book contos exclusivos antes de cada volume.
          • Vol.0.5: NOITE DAS GAROTAS
          • Vol.1.5: FOTOS E FLASHBACKS
          Para ter acesso basta entrar no site da Seguinte (o selo jovem da Companhia das Letras) e fazer o download do seu e-book.

          Continue Lendo

          Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
           
          Layout de Giovana Joris