quinta-feira, 11 de setembro de 2014

Resenha: “A queda dos Reinos” (Morgan Rhodes)

Por Sheila: Oi todos e tod@s pessoas que lêem estas resenhas! Como estão? Aproveitando o carnaval? Pelo menos no momento em que escrevo a presente resenha estamos em pleno feriadão! Bom, esta é mais uma daquelas autoras da qual eu nunca havia ouvido falar ... mas como adoro conhecer autores novos, não pensem que isso foi dito de uma maneira depreciativa!

Este é um dos livros da Seguinte, o selo jovem da Companhia das letras, que parece ter vindo para ficar – pelo que torço, até agora nenhum título me decepcionou. Mas vamos à resenha.

Morgan irá nos apresentar a uma terra onde a magia parecia ter sido esquecida: Mítica, dividida em três reinos, Limeros, Paelsia e Auranos. Enquanto Auranos parece viver seus dias de glória, com comida em abundância, prados verdejantes e caça abundante, seus vizinhos vivem em situações bem diferentes. Paelsia, que já foi um reino rico, hoje definha à sombra da ostentação de Auranos.

Auranos é o reino do sul, possuindo um Rei, Corvin Bellos, que enviuvou cedo, tendo de cuidar da melhor forma que pode de suas filhas Emilia, a mais velha e sua sucessora ao trono, e Cleiona, que deve seu nome à Deusa do fogo e do ar, que cultuam. 
- Já estamos chegando? – Mira perguntou. A bela menina com cabelos longos avermelhados e uma pele perfeita era amiga de Cleo e dama de companhia da irmã mais velha da princesa. Quando Emilia decidiu ficar em casa por conta de uma dor de cabeça repentina. Ela insistiu que Mira acompanhasse Cleo no passeio. Quando o navio chegara ao porto, alguns amigos decidiram permanecer no conforto da embarcação enquanto Cleo e Mira se juntaram a Aron naquela excursão a uma vila próxima para encontrar a garrafa de vinho “perfeita”.
Paelsia é o Reino médio, tendo por líder Hugo Basilius, que é mais um líder espiritual do que Rei. A terra é conhecida por seu fabrico de ótimos vinhos, que acabam sendo vendidos a preços irrisórios à povos vizinhos, o que muito dissabor trás a Jonas, filho de um fabricante de vinhos, e que precipita acontecimentos que podem fazer eclodir uma guerra.

Limeros é o Reino do norte, tendo por rei Gaius Damora, famoso entre os reinos por sua postura sanguinária, e adorador fervoroso da Deusa Valoria, Deusa da terra e da água, que faz com que os hábitos desta terra sejam austeros em respeito à sua postura comedida. Lar do príncipe Magnus, que sabe não ser o preferido de seu pai, e da inocente princesa Lucia, Limeros é um lugar frio e escuro.

Diante de uma discussão entre jovens, que acaba em uma morte sem sentido, os três Reinos podem começar a guerra a qualquer momento: Limeros por que esta desesperada, Paelsia por que seu líder tem uma fome incomensurável por poder, Auranos se defendendo. E o destino destes quatro jovens: Cleiona, Jonas, Lucia e Magnus, se entrelaçarão, mas não de uma forma pacífica. Afinal, são tempos de guerra.
Tomas não viu a adaga. Quando chegou mais perto a agarrou a camisa de Aron, o lorde enfiou a lâmina na garganta dele. As mãos de Tomas foram direto a seu pescoço, enquanto o sangue começava a jorrar. Seus olhos estavam arregalados pela surpresa e pela dor. Um instante depois, o rapaz caiu de joelhos e sucumbiu no chão. As mãos agarradas na garganta, a adaga ainda entranhada ali. O sangue logo formou uma taça escarlate em torno da cabeça de Tomas.
Na contra-capa do livro vemos impressa a frase: “Os tempos de guerra chegaram ... de que lado você vai ficar?” Eu terminei de ler o livro e, sinceramente? Não consegui escolher um lado. Cada um dos personagens, Cleiona de Auranos, Jonas de Paelsia, Magnus e Lucia de Limeros, tem seus próprios conflitos e entrou nessa guerra por razões legítimas. Como torcer por apenas um deles?

Este é o primeiro livro de uma trilogia, por isso ainda não posso dizer se a mesma atende às expectativas. Mas, se os livros devem ter o dom de nos fazer acreditar no inacreditável, emocionar, e também nos deixar na intensa expectativa pelo próximo, bom, então este livro já entrou para minha lista de favoritos.

Roendo as unhas pelo próximo, posso deixar a você um recomedadíssimo. Abraços.

0 comentários :

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para nós! Pode parecer clichê, mas não é. Queremos muito saber o que achou do post, por isso deixe um comentário!

Além de nos dar um feedback sobre o conteúdo, contribui para melhorarmos sempre! ;D

Quer entrar em contato conosco? Nosso email é dear.book@hotmail.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Layout de Giovana Joris