segunda-feira, 25 de maio de 2015

Littera Feelings #31 – Alguns pequenos hábitos incômodos


Nem a leitura escapa!

Oi, oi, pessoal. Como estamos com as leituras? Minha meta tá indo bem! Tá vindo muita resenha boa aí :)

Enquanto iiiiiiisso...

Quem lê muito já percebeu um e outro incômodo, não? Aquele livro que a gente não tem com quem comentar, ler spoilers sem querer (e querer matar o cidadão que espalhou), ficar se policiando pra não entrar na livraria quando tá sem dinheiro... Mas isso são situações mais exteriores.

Nas relações mais mano-a-mano com o livro, os desconfortos não são meras frustrações, são coisas que podem prejudicar a nós mesmos ou a nossas leituras.  

Sempre me perguntei sobre o hábito de lamber o dedo para passar página – já que eu não tive – e só imagino que bactérias possam se aproveitar da situação O.O Sem falar que, em algum paralelo, já morreu gente por isso hahaha Tem um livro (sem spoilers) que tá aí pra nos mostrar que é possível.

E insônia? Quem já teve insônia por ler antes de dormir em aparelhos que emitem luz? 
A grande lição é que insônia e gadgets eletrônicos não devem ser misturados antes de dormir, esclareceu o diretor da clínica neurológica da UCLA, Alon Avidan, em entrevista ao jornal Los Angeles Times.

A notícia/pesquisa não é de agora, mas não deixa de revelar um pouco dos incômodos que nossos (novos) hábitos têm nos trazido, além da preocupação para as novas gerações.

Um em especial me veio à cabeça esses dias. Na verdade, começou comigo um dia esquecendo o celular em casa para ir a uma reunião e... não senti falta dele. Quantas pessoas a gente conhece que não surta quando percebe que esqueceu? Que consegue ser assim, desgarrada do que é hoje o aparelho do século?

E foi aí que me lembrei de uma imagem que anda rolando pela internet, mostrando que as pessoas andavam dando mais atenção aos seus aparelhos do que aos livros ao lado.


Update: achei a imagem!

Você mexe no whatsapp enquanto lê? Ou outro aplicativo? Quantas vezes você já fechou o livro pra dar mais atenção a notificações? O quanto isso tem interferido na sua leitura? Qual foi o último livro que você teve um momento imersivo total? Já parou pra pensar nisso?

Um tempo atrás uma alma leitora (Wagner Brenner) confessou: não consegue mais ler livros
Não consigo mais ler livros.
Não que eu não queira. Simplesmente não consigo.  Sou um leitor, desde que me entendo por gente.
Sempre li muito. E continuo lendo.
Mas de uns anos para cá, me alimentar compulsivamente de internet tem causado um efeito colateral que ainda não consigo explicar muito bem.
Só sei que agora, toda vez que pego um livro nas mãos, não consigo ler, canso rápido. Se o texto não “embala” logo, preciso de muito esforço para continuar com a leitura.
E não é só com o livro de papel. A mesma coisa acontece com o livro digital. Não tem nada a ver com o tipo de apoio. [...]
Fico voltando para o começo do parágrafo, sabe? Nem a biografia do Steve Jobs eu consegui terminar.
Fico repetindo para o autor “vai, já entendi, conta logo, pára de enrolar”.
Esse é outro sintoma: fiquei mais factual e perco fácil a paciência com aquela fase de contextualização e envolvimento com os personagens. 

Será esse o nosso futuro de leituras?

Embora consiga me desgarrar umas horinhas, já encontro dificuldades para ler ou me concentrar, mesmo para os livros mais maravilhosos que abrir. Isso assusta um pouco, pois, e se agravar? O prazer de uma leitura completa está mesmo ameaçado?!

E, como amigo ali do post apontou, não é algo que difere entre impresso e ebook.

Tenho ativado bastante o modo avião do celular  que desconecta o aparelho de toda conectividade. Uma vez ativado, juro que ninguém te perturba (e ainda carrega mais rápido)  quando quero me reservar essas horinhas de leitura e concentração. Aliás, modo avião é uma das maravilhas desse século! Mas me espanta o quanto percebo ser necessário usá-lo ultimamente.

E para o futuro avante, isso parece ser tendência...

(já podemos também readaptar essa máxima)

E vocês, como andam de verdade seus momentos de leitura?
O que vocês têm notado?


Até a próxima o/

Kleris Ribeiro.

P.S.: vale esse texto do Eduardo Kasse sobre viver fora das telas

10 comentários :

  1. Já passei por quase todos esses momentos descritos no texto, exceto a mania de lamber o dedo para passar página.rs
    Eu gosto bastante de internet, mas amo ler, mas confesso que várias vezes tenho a tal "ressaca literária" e por sorte, ela é temporária...mas me preocupo com a ideia de um dia eu simplesmente "desgostar" de ler, não sentir prazer em ler, já que é o que eu mais gosto de fazer. De qualquer forma, melhor aproveitar a leitura de cada dia sem ficar sofrendo por antecedência!. rs
    O que mais sinto falta quando eu leio é de ter alguém pra conversar sobre o que li.
    E ultimamente, percebi que me tornei uma leitora extremamente crítica (com tudo).

    Muito bom seu texto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tbm tô com essa preocupação ultimamente, aí dou um jeitinho de largar tudo e abrir um livro. Curtir mais a leitura, sabe? Melhor aproveitar a leitura de cada dia sem ficar sofrendo por antecedência! [2] haha
      Já tentou grupos e clubes de leitura?

      Excluir
    2. Nunca tentei entrar em clubes, nem sei onde encontrar!! Rsrs

      Excluir
  2. Texto interessantíssimo. Hoje é bem difícil imergir completamente em um livro sem se distrair com tantos gadgets à mão.
    Felizmente ainda consigo e espero que continue assim.

    ResponderExcluir
  3. Hoje o WhatsApp ganha mais espaço que as redes sociais.
    Tiro por mim, pois viver longe da família e dos amigos acaba fazendo com que eu goste muito do do aplicativo, mas não deixo de ler um livro por ele não. rs
    Bjks,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Whatsapp é a salvação e perdição desse mundo hahaha Temos que ser fortes!

      Excluir
  4. Uma vez li que um dos efeitos colaterais de muita internet é a dificuldade de concentração e falta de paciência, tipo se algum texto é grande ou um pouco menos direto ao ponto, as pessoas já tendem a perder a paciência. Eu sofro um pouco das duas coisas. às vezes estou lendo e me distraio completamente e tenho que ler de novo. Esse negócio de pegar o celular toda hora é terrível também. Tem momentos que estou lendo e está até boa a leitura, mas paro pra olhar o celular... Tento me policiar ao máximo pra não fazer isso! Mas é complicado. rsrs
    Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É tanta coisa pra se ver que entendo a falta de paciência e concentração. Me monitoro de vez qnd e até abaixo o volume qnd sei que vai ter notificação apitando rs

      Excluir

Sua opinião é muito importante para nós! Pode parecer clichê, mas não é. Queremos muito saber o que achou do post, por isso deixe um comentário!

Além de nos dar um feedback sobre o conteúdo, contribui para melhorarmos sempre! ;D

Quer entrar em contato conosco? Nosso email é dear.book@hotmail.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Layout de Giovana Joris