quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

Resenha: "O Enigma das Estrelas" (F. T. Farah)

Por Sheila: Oi todo mundo como estão, tudo tranquilo? A resenha de hoje é de um livro lançado pela editora Geração, e seu selo Jovem. Pelo que pude entender, será o primeiro de uma série, intitulada "Clube dos mistérios".

Um vilarejo mineiro, chamado Morro do Ferro, foi amaldiçoado ...segundo a lenda, um jovem padre foi pego em pecado com uma de suas fiéis, sendo queimado em praça pública, mas não sem antes soltar sobre o pequeno vilarejo e seus habitantes uma pequena maldição.

Desde então, os moradores afirmam verem luzes no céu, e há quem diga - bom, não precisamos fazer mistério, o personagem se chama Rui e é conhecido como o bêbado do vilarejo - que as luzes nada mais são do que espaçonaves. E que, de tempos e tempos, alguns são abduzidos para passarem por estranhas experiencias.
Desceu da caminhonete e tentou olhar para cima. Apertou os olhos. A luz era muito forte e parecia flutuar poucos metros acima de sua cabeça. Levantou a arma e deu um tiro em sua direção ...
- Eles existem - murmurou. - Se tudo o que o Rui conta é verdade, não é à toa que o coitado vive bêbado. E o que ele... O que ele fazia lá?
Vicentinho, Alfredo, Carmem, Carola e Jonas são amigos de longa data, com uma coisa em comum: seus pais costumam passar as férias em Morro do Ferro, o que não seria diferente naquele ano. Bom, havia algo diferente sim. Vicentinho, o mais novo, era o único empolgadíssimo em rever os amigos. Alfredo estava apaixonado, e não queria ir a Morro do Ferro aquele ano. Carmem estava um tanto quanto indiferente e Jonas e Carola... bom esses dois só tinham olhos um para o outro.

Outra coisa seria diferente: neste ano, eles iriam acampar no topo do Morro dos Anjos, conhecido por este nome por ser o foco principal das estranhas luzes que as vezes eram avistadas em Morro do Ferro. Só que não será bem anjos que os cinco amigos encontrarão no alto do morro...

Jonas olhou para o relógio de pulso. Marcava 19h32. Estava frio. Ele seguiu na frente, iluminando o caminho com a mão direita e carregando a água na outra. Foram surpreendidos por um estranho e  intenso grunhido a poucos metros dali. Jonas sentiu calafrio e Carola gritou, agarrando-se a ele.

Querem saber o que aconteceu a Jonas e Carola? Bom, infelizmente - ou felizmente! - vocês terão que ler o livro para saber. Aliás, parabéns a F. T. Farah. Gostei muito da abordagem do mesmo, já que assuntos como alienígenas parecem um tema batido. É sempre interessante ver alguém que consegue pegar um tema já batido e construir alguma coisa nova.

A narrativa é bem construída e acredito que as perguntas sem resposta serão respondidas nos próximos capítulos desta série, com temáticas que serão muito bem acolhidas pelo público infanto-juvenil: namoros, crescimento, relação com os pais e amizade.

Uma narrativa com um bom ritmo e uma dose de suspense e aventura adequada, que me deixou curiosa pela continuação. Recomendo.





0 comentários :

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para nós! Pode parecer clichê, mas não é. Queremos muito saber o que achou do post, por isso deixe um comentário!

Além de nos dar um feedback sobre o conteúdo, contribui para melhorarmos sempre! ;D

Quer entrar em contato conosco? Nosso email é dear.book@hotmail.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Layout de Giovana Joris