quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Resenha "Gregor - O Guerreiro da Superfície" (Suzanne Collins)

Por Gabi: Inspirada por Alice no país das maravilhas a aclamada autora do sucesso Jogos Vorazes nos presenteia com seu mais novo trabalho, a As Crônicas do Subterrâneo. Hoje falaremos sobre o primeiro livro dessa. 

Gregor é um garoto de 11 anos que mora com suas irmãs mais novas, Lizzie de 7 anos e a pequena e encantadora Boots, de 2, sua avó que vive em outro mundo além de sua mãe, que tenta segurar as pontas desde que o pai desapareceu há mais de 2 anos.

Eram férias de verão. Gregor, como era o "homem da casa", não pode ir ao acampamento com Lizziepois tinha que ficar com Boots e com sua avó, já que sua mãe tinha dois empregos. 

Em um dia que tinha tudo para ser comum como qualquer outro, Gregor vai com sua irmãzinha Boots até a lavanderia do prédio. Quando o garoto dá por si,  percebe que a curiosidade da pequena a havia levado até um duto de ar, de onde saia um vapor estranho, no qual ela é sugada. Ele não pensa duas vezes e pula atrás de Boots. 
A grade de metal bateu nas costas dele. No momento seguinte, o menino estava caindo, caindo, caindo no vazio. 
Ao aterrizarem, eles dão de cara com os rastejantes, baratas gigantes e que falam.  Mas as surpresas do Subterrâneo não param por aí. Gregor e Boots são levados para o povo de Regália, um lugar onde há humanos vivendo harmonicamente com morcegos gigantes, ou melhor, vinculados a eles através de um pacto de lealdade. 
Regália era ainda mais impressionante quando vista de cima. Do chão, o garoto não pudera ver que as ruas, que eram pavimentadas com vários tons de rocha, haviam sido dispostas em um complexo padrão geométrico, de forma que a cidade parecia um gigantesco mosaico. 
O garoto já estava entrando em pane com aquela nova realidade exótica que ele vivenciava e mal poderia imaginar que as coisas ficariam ainda mais inacreditáveis para ele. Na esperança de voltar para casa, Gregor e Boots fogem e são quase mortos por dois ratos (a essa altura do campeonato nem preciso ressaltar que são gigantes), que são os bichos mais asquerosos e temidos do Subterrâneo. Ao serem resgatados por seus mais novos amigos do submundo, ele descobre que seu pai foi capturado pelos ratos ao tentar fazer o mesmo que ele. E ninguém tem certeza se ele continua vivo.

Para completar a situação, os habitantes do submundo acreditam que Gregor é o guerreiro da Profecia Cinzenta de Bartholomew de Sandwich (o homem mais respeitado do povo de Regália) e que Boots é a princesa a que seu povo sempre esperou.  
[...] Um guerreiro da superfície, do sol ele é filho


poderá nos trazer de volta a luz

poderá nos trazer o vazio [...]
Ele se recusa, a primeiro momento, a acreditar que é o guerreiro, mas quando ele vê que enfrentar as lutas e os perigos da profecia é o único modo de conseguir sair do subterrâneo e também de salvar seu pai, ele aceita o desafio. Guiados pelos dizeres da profecia, Gregor e Boots, um grupo de humanos do Subterrâneo e animais exóticos embarcam em aventura regada a ação, mistérios e muitas emoções.

Suzanne construiu um universo paralelo sob a cidade de Nova Iorque. A autora nos guia com uma narrativa empolgante e fluida através de um mundo onde criaturas  como baratas, aranhas e morcegos e ratos têm tamanhos exagerados e falam, os seres humanos tem dinâmicas de vida bem diferente ( que são explicadas, o que não deixa as coisas no ar ), profecias e mistérios que dão um toque a mais na história! Não poderia deixar de mencionar que Boots me ganhou nesse livro. Ela é uma criança adorável, realmente muito fofa! rs
O último a morrer escolherá de que lado está.


O destino dos oito em suas mãos ficará.

Digam para ele ter cuidado,

Para olhar onde pula, 

Pois vida pode ser morte e na morte 

A vida outra vez circula.
O livro em si foi um trabalho bem feito da Galera Record. A capa eu achei bem interessante, muito bonita, parece ser uma perspectiva do Subterrâneo, mais especificamente da cidade de Regália. A letra do título em um dourado, em um "alto relevo baixo", se posso assim dizer. As folhas, em papel pólen, o que torna a leitura bem mais agradável e o texto, bem revisado. 

Enfim, é um livro que indico. Apesar de ser infanto-juvenil, foi uma leitura que me prendeu por sua qualidade em apresentar aos leitores algo diferente a que estamos acostumados. Não posso traçar um paralelo com Jogos Vorazes porque ainda não li, mas pelo que sei, seguem linhas bem diferentes ao menos na história. Vamos ver o que acontece nos próximos livros e ver em quais aventuras mais Gregor e seus amigos do Submundo vão se meter!


Beijos beijos e boa leitura!!

12 comentários :

  1. Oouw, só lendo o livro então!
    Gostei da resenha (: Só não gostei da capa, mas não se julga um livro pela capa, né?! :s
    Beijos *-*

    carinhodaspalavras.com.br

    ResponderExcluir
  2. Acho que foi falado mt do que acorre na história pela resenha. Mas parece bem divertido, eu leria!

    abraços,
    Luciana

    ResponderExcluir
  3. Com certeza a editora não foi feliz com a capa...
    A história com certeza e bem interessante.
    Já entrou na minha listinha de metros e metros...rsrssrsr

    ResponderExcluir
  4. A capa não é lá essas coisas, mas a história parece compensar! Adorei a resenha, está maravilhosa e me levou a colocar o livro na lista dos desejados! kkkk

    Beijos
    Bia - @escrevendomundo

    ResponderExcluir
  5. A capa do livro realmente deixa a desejar; achei ela sem cor, brilho, sem vida pra falar a verdade (mesmo que ela seja uma perspectiva do Submundo). A editora poderia ter feito um trabalho melhor nesta parte do livro.
    Mas a história, por outro lado, parece ser cheia de vida e aparenta ser uma leitura muito gostosa. Com certeza é um livro que eu leria, principalmente pelas aventuras que o Gregor enfrenta.

    ResponderExcluir
  6. Não conheçia o livro, mas a resenha me agradou.

    ResponderExcluir
  7. Eu estou com a trilogia para ler. Comprei os livros mas ainda não os li pois tenho outros na frente para ler. Gostei muito da resenha. Está ótima.

    ResponderExcluir
  8. Q resenha incrível! Eu ganhei a trilogia de natal, mas ainda nao li.. nao sei se por preguiça ou por ter mais livros na lista de leitura antes deles (mas eu sempre adio quando eh vez deles.. kkk')
    Agora lendo a resenha acho q vou tentar ler eles :D

    ResponderExcluir
  9. Eu já li os três primeiros da série. Ainda falta o que lançou mais recentemente... Mas é muito boa mesmo!

    Beijos,
    http://a-song-of-fire.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Resenha maravilhosa, mas também achei que revelou demais do enredo. Fiquei intrigada pra ver como termina, quero muito ler essa serie.

    ResponderExcluir
  11. Ai gente, falei demais nessa resenha né?! rsrs Mas juro que não percebi, sério. E olha que eu vou lendo a resenha enquanto escrevo e também depois que fica pronta. Mas vou ficar mais crítica quanto a isso nas próximas.

    Obrigada pelos comentários sinceridade de vocês.

    Beijoos!! *-*

    ResponderExcluir
  12. Caramba, queria muito ler esse livro! Consegui achar ele na biblioteca da minha escola *-* Comecei a ler só que tenho que terminar a Guerra dos Tronos primeiro :) Realmente parece muito bom, resenha ótima!

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante para nós! Pode parecer clichê, mas não é. Queremos muito saber o que achou do post, por isso deixe um comentário!

Além de nos dar um feedback sobre o conteúdo, contribui para melhorarmos sempre! ;D

Quer entrar em contato conosco? Nosso email é dear.book@hotmail.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Layout de Giovana Joris