segunda-feira, 15 de outubro de 2012

[Minhas Palavras] "Dias Chuvosos"


A coluna "Minhas Palavras" apresenta textos originais, de diversos temas, produzidos pela equipe do Dear Book.
"Dias chuvosos"

Por: Sheila Schildt, Psicóloga Clínica e Resenhista do blog.



Créditos da imagem aqui
Oi pessoas! Como estão? Não sei se algum de vocês é aqui do Sul ou como está o tempo onde vocês moram, mas por estes lados tem chovido MUITO. Isso tem me feito pensar bastante, principalmente na minha ambivalência em relação a estes dias chuvosos. E por que ambivalência? Bom por que posso dizer que adoro e detesto dias assim, os dois ao mesmo tempo. 

Adoro quando tenho a possibilidade de ficar em casa, olhando pela janela. Por que por mais que o céu fique com aquela tonalidade cinzenta, sei que o sol está lá atrás em algum ponto, descansando, pronto para voltar à “ativa” assim que as nuvens derem uma "brechinha". 

Agora simplesmente detesto os dias de chuva quando tenho que sair de casa – principalmente quando tem muito vento, parece que não tem guarda chuva que dê conta, e os mínimos passos já deixam você molhada e enregelecida. Aliás, ninguém deve gostar muito não é mesmo? É bom contemplar um dia chuvoso da janela, mas as vezes ele nos surpreende na rua, e sem guarda-chuva. 

Mas adoro mesmo é ver a força de uma tempestade pela janela. Isso sempre me faz pensar, antes de tudo na insignificância de nossa vontade diante da natureza. Nós, seres humanos, somos muito egocêntricos às vezes. Construímos arranha-céus, voamos em aparelhos sofisticados de metal, viajamos e exploramos o fundo dos oceanos. Construímos casas, carreiras, famílias, tanta coisa, mas basta um tapa do destino – um segundo de distração, uma chuva mais forte, um sinal amarelo avançado, um atraso de 5 minutos para sair de casa – e tudo pode ir por água abaixo (com o perdão do trocadilho ...) 

Acaso, destino, carma, muitas são as explicações para estes fatos que nos atingem – assim mesmo, certas vezes como um soco, noutras até um pouco mais suave quando o inesperado é algo positivo – mas é inegável que tendemos a guardar mais as lembranças dos acontecimentos sofridos que vem nos visitar na passarela da vida. 

É interessante, por exemplo, quando na clínica os pacientes começam a dar-se conta da sua responsabilidade nas agruras que os acometem, mesmo aquelas que pareciam independer completamente de sua vontade, e como eles se sentem desesperados para se livrarem disso, o mais rápido possível. Eu queria muito que existisse uma técnica, um botãozinho mágico, uma varinha de condão que resolvesse todos os problemas de todos os meus pacientes. 

E é aí que entra a metáfora – a nossa vida, é tão incontrolável quanto o tempo. Sempre haverão os dias ensolarados, os chuvosos, as tempestades – algumas vezes até uns furacões. E não há como lutar contra isso. O que podemos fazer, é estar preparados para os próximos que virão, pois é isso que a vida é: uma sucessão de acontecimentos, nem sempre fáceis, com os quais aprendemos a lidar de forma mais ou menos eficaz. 

A questão é parar para se perguntar: você está sabendo lidar com o tempo em sua vida? Já consegue reconhecer os sinais de que uma tempestade vem se aproximando? Consegue preparar um abrigoa a tempo, para poder sair desta fase o menos atingido possível? Por que é só isso que se pode fazer, as verdadeiras tempestades, quando vem, são difíceis de lidar e, mais ainda, de serem contornadas.

Mas nunca devemos esquecer que é somente depois que a chuva passa que surgem os arco-íris, e que no fim tudo sempre dará certo.  E, se não deu ainda, é por que o fim não chegou. Claro, sei muito bem que falar é extremamente fácil, mas que nas borrascas tendemos a nos sentir desamparados. Mas acredito que a vida sempre nos dá o que precisamos, e não o que queremos. E que tudo nessa vida passa, nada é eterno, mas são ciclos que se renovam constantemente.

E você? Como anda lidando com seus "dias chuvosos"?

14 comentários :

  1. Bom texto, inspirador!!
    Como lido com meus dias chuvosos??
    hum... Exatamente assim como recomendado,
    esperando que passem!! kkkk
    Minha única certeza é q sigo em frente, entre altos e baixos vou levando minha vida! :)

    bjs

    ResponderExcluir
  2. Nos meus dias chuvosos eu me preocupo, me descabelo, choro, grito mas depois eu paro e penso que tem coisas além dos meu limites, que eu não posso fazer nada, aí eu espero a tempestade passar.

    ResponderExcluir
  3. Gostei muito do texto, sem dúvida a vida é da forma como foi expressa nas palavras da Sheila. Em alguns momentos da leitura pude me identificar sinceramente com o texto. As vezes fico observando a natureza, tudo nela é tão simples, e ela vive de maneira tão harmoniosa com o restante, nossa vida também é assim, mas nós não estamos preparados para agir desta forma. Tudo torna-se complicado perante os obstáculos.

    ResponderExcluir
  4. O texto é muito bonito e nos faz refletir sobre ele. Mas atrás de toda tempestade vem a bonança, não é assim? Quanto a mim, aprendi a lidar com meus dias chuvosos de maneira tranquila, refletindo e analisando o porque disso ou daquilo estar acontecendo. A natureza nos ensina muito quando a observamos bem. Então é só olhar mais ao redor de nós e ver o que realmente acontece, pequenas coisas que muitas vezes deixamos passar despercebidas e que em dado momento se tornam importantes. Seguir em frente é o meu lema.

    ResponderExcluir
  5. Eu já falei isso em um outro texto mas eu volto a repetir, você escreve tão bem! É o tipo de texto que você lê e depois para pra pensar...
    Realmente gostei!

    Beijos

    Beatriz - Blog Escrevendo Mundos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo comentário! Que bom que consegui fazê-la refletir, sempre é bom quando sabemos que o que escrevemos consegue tocar alguém de alguma forma

      abraços

      Excluir
  6. Amo dias chuvosos, são os melhores dias pra ficar enrolada na cama comendo uma panela de brigadeiro e assistindo otimos filmes com as amigas!

    ResponderExcluir
  7. Para mim e muito complicado lidar com dias chuvosos.Tambem sou do tipo que prefiro me recolher nesses dias.OTIMO TEXTO.

    ResponderExcluir
  8. Tão... Eu! Haha.
    Eu odeio chuva, mas porque passo boa parte do tempo fora de casa.
    Gosto muito de frio apenas.
    Agora quando estou em casa, até que gosto de uma chuvinha pra dormir, pra relaxar. É tão gostoso!

    ResponderExcluir
  9. Ultimamente, aqui no Rio de Janeiro tem chovido bastante também. Bom, adoro essas tempestades porque a minha faculdade alaga, daí não tem aula HASUHAUSH E também porque alivia esse calor extremo do verão.

    Resumindo: pra mim, a chuva é mais que bem-vinda! :)

    ResponderExcluir
  10. Sou uma das poucas pessoas que apreciam a chuva, as pessoas ficam mais calmas em tempos chuvosos e de certa forma isso é até bom.

    ResponderExcluir
  11. Dias chuvosos, são sempre bom, penso que é bom para assistir um bom filme ou ler um livro.

    ResponderExcluir
  12. Adoro frio, dias chuvosos, são ótimos p ler, pensar, me deixam smp mais calma, relaxada e com aquelaa preguicinha boa .. só é mais complicado p sair, e acabo comendo beeem mais kk mas eu amo assim msm *-*

    ResponderExcluir
  13. Gosto de clima ameno, mais para o frio, ou o frio em si. Gosto mais ainda quando a umidade relativa é boa, respirável, não a de deserto com a qual convivo principalmente nos meses de inverno. Enfim, amei o post, e vontade de sentir o cheiro de terra molhada pela chuva, e um clima bem fresquinho!

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante para nós! Pode parecer clichê, mas não é. Queremos muito saber o que achou do post, por isso deixe um comentário!

Além de nos dar um feedback sobre o conteúdo, contribui para melhorarmos sempre! ;D

Quer entrar em contato conosco? Nosso email é dear.book@hotmail.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Layout de Giovana Joris