quinta-feira, 11 de outubro de 2012

[Gastronomia e Literatura] A Volta ao Mundo em 80 Pratos #2

Bom Dia Pessoas!

Essa semana daremos continuidade à Volta ao Mundo em 80 Pratos, que iniciamos algum tempo atrás, nas Olimpíadas com a Inglaterra. Portanto, hoje, seguimos rumo à Espanha para conhecer um pouco da sua literatura e um prato que a represente.

O livro, um velho conhecido de muitos leitores, é Dom Quixote de La Mancha. Com sua primeira edição publicada em Madrid no ano de 1605, é composto por 126 capítulos, dividido em duas partes: a primeira lançada em 1605 e a outra em 1615.

Em um período de grande inovação e diversidade criativa por parte dos escritores de ficção espanhóis, eis que surge essa obra, parodiando os romances de cavalaria que possuíam imensa popularidade no período e, mesmo assim, já se encontravam em declínio. 


O protagonista da obra é Dom Quixote, um nobre castelhano que perdeu a razão por muita leitura (não deixem de ler, é apenas ficção) de romances de cavalaria e pretende imitar seus heróis favoritos. O romance narra as suas aventuras em companhia de Sancho Pança, seu fiel amigo e companheiro, que tem uma visão mais realista. A ação gira em torno das três incursões da dupla por terras de La Mancha, de Aragão e de Catalunha. Nessas incursões, ele se envolve em uma série de aventuras, mas suas fantasias são sempre desmentidas pela dura realidade. O efeito é altamente humorístico.

Cervantes aproveita, enquanto narra os feitos do Cavaleiro da Triste Figura, para satirizar os preceitos que controlavam as histórias fantasiosas daqueles heróis de cavalaria.
Um bom livro para nos “transportar” até a Espanha e para acompanhá-lo uma receita que, em minha opinião, é o símbolo da culinária espanhola: Paella Valenciana

Vamos lá:
  • 1/2 kg de frango
  • 1 kg de polvo
  • 1 kg de lula
  • 2 kg de mexilhão
  • 1/2 kg de camarão médio
  • 1/2 kg de arroz parboilizado
  • 2 unidades de cabeça de alho grande
  • 3 unidades de tomate para molho
  • 1 unidade de pimentão amarelo
  • Açafrão e sal a gosto
Decoração::
  • 6 unidades de camarão grande ou lagostim grande
  • 6 unidades de mexilhão com casca
  • 1 unidade de pimentão vermelho
  • 1 unidade de tomate
Preparo:
Parte 1 - 15 minutos:
  1. Coloque a metade dos alhos para dourar no azeite
  2. Acrescente os frangos temperados
  3. Cozinhe até dourar
  4. Reserve o frango
  5. Em uma panela a parte cozinhar o mexilhão com casca e o camarão grande
Parte 2 - 20 a 30 minutos:
  1. Coloque a metade dos alhos para dourar no azeite
  2. Acrescente as lulas
  3. Cozinhe até dourar
Parte 3 - 40 a 50 minutos:
  1. Acrescentar o polvo, frango e o mexilhão
  2. Acrescentar água do camarão até cobrir os ingredientes
  3. Acrescentar o tomate e pimentão picados
  4. Deixar ferver até pegar gosto e ficar suculento
Parte 5 - 20 a 30 minutos:
  1. Colocar água fria (3 de água para 1 de arroz) e açafrão
  2. Colocar o arroz
  3. Espelhar o camarão médio
  4. Enfeitar a gosto
  5. Cobrir com papel alumínio
Decoração:
Parte 6 - 20 minutos:
  1. Ferver água com sal
  2. Cozinhar os camarões grandes inteiros ou lagostim até ficarem avermelhados
  3. Cozinhar o mexilhão com casca
  4. Obs.: Lembrar de acrescentar sal e temperos a gosto
Curiosidades:
Devido a sua preparação laboriosa e a seus ingredientes serem um luxo para a maioria da população, durante muito tempo, quando havia uma festa, a paella era o prato escolhido. 

É tradicionalmente cozida em um fogo à lenha, preferencialmente ao ar livre e normalmente preparada pelo homem.

Eu particularmente, detesto frutos do mar, o que me faz não gostar dessa receita. Muito embora tenho todo o respeito do mundo por esse prato. 

Tenho até uma história de amor e ódio com esse prato da época da faculdade. Só para resumir minha professora fez questão de colocar a primeira porção para a minha pessoa (para quem não sabe, a primeira porção de Paella não deve ser mexida,ou seja, o que vem no seu prato é o que você vai comer. Sem essa de ficar escolhendo). E para dar maior incetivo ela disse que se eu comesse ela me pagava uma jurupinga. 
Dito e feito, Paella comida, jurupinga paga e eu nunca passei tão mau na minha vida depois de uma refeição hahahaha.

Gostaram do post dessa semana? Espero vocês para as próximas paradas do nosso especial A Volta ao Mundo em 80 Pratos. Lembrando que vocês influênciam a escolha do nosso destino e até lá... 

Boa Leitura e Bon Apetit

12 comentários :

  1. Gizeli Regina Meisterquinta-feira, outubro 11, 2012

    Também não sou grande apreciadora de frutos do mar. Agora Dom Quixote me deu uma saudade da minha infância. Onde parecia que tudo era real as princesas os princepes, etc. Mas vamos em frente que a vida sempre nós ensina....

    ResponderExcluir
  2. Gosto demais do Dom Quixote mesmo sem ter lido a obra, que espero ler um dia. O post ficou super legal, mas não gosto de paella e nem dos ingredientes que vão nela hauahuahaua..

    Beijos,

    Paula

    http://tri-books.com

    @Tri_Books

    ResponderExcluir
  3. Estou amando essa Volta o Mundo em 80 pratos!! Eu nunca comi Paella, mas tenho muita vontade de experimentar, viu! Parece ser gostoso...

    E também ainda não li Dom Quixote, mas pelo que conheço da obra por resenhas e até mesmo quando o estamos em História, é realmente bem interessante.

    Bjos

    ResponderExcluir
  4. Ah, Dom Quixote...eu tenho esse livro e nessa edição, capa dura e na escrita tradicional(tive q ler com um rascunho de tradução que meu cunhado fez pra mim) Palavras super complicadas e que nem são usadas mais.
    Um clássico!!!
    Quanto a receita, não curto frutos do mar tbém...então, essa eu vou passar batido.rs

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Puxa é lógico que já ouvi falar no livro, mas é a primeira vez que tenho vontade de ler. Quanto ao prato... não gosto de frutos do mar então, pra mim já não dá.
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Puxa, pensar que já e reli esse livro me deu saudade. Qualquer hora leio novamente. Já a receita, parece-me muito boa, embora eu não curta muito frutos do mar.

    ResponderExcluir
  7. Adorei o post! Adoro paella, o sabor me transporta para a Espanha...
    Não li Dom Quixote, pretendo pegar o livro e conhecer a obra, mas os livros só aumentam na minha lista de 'quero ler', rsrs. Mais um.

    ResponderExcluir
  8. Eu adoro gastronomia, pretendo até seguir carreira nesse ramo. Adoro frutos do mar, vou tirar um dia para realizar essa receita. Em relação ao livro, confesso que não me interessa muito, mas quem sabe um dia eu tenha a oportunidade de ler.

    Beijos.

    Beatriz - Blog Escrevendo Mundos
    @escrevendomundo

    ResponderExcluir
  9. Ah, que triste, sou alérgico á camarão :( P.S: Adorei a referência á Volta ao Mundo em 80 Dias hehe'

    ResponderExcluir
  10. Apesar de "Dom Quixote" ser umas das histórias mais conhecidas da história, nunca cheguei a ler. Vou ver se consigo encaixá-lo na minha listinha de futuras leituras.
    Também não gosto de frutos do mar, e se a receita só tivesse o frango, eu encarava. Rsrsrs

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  11. É, também nunca li Dom Quixote.. =/ MAs quero poder ler um dia.
    Agora, paella é deliciosa, hum camarão... Comida dos deuses...hmm
    Frutos do mar são meus preferidos, até me deu agua na boca.

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante para nós! Pode parecer clichê, mas não é. Queremos muito saber o que achou do post, por isso deixe um comentário!

Além de nos dar um feedback sobre o conteúdo, contribui para melhorarmos sempre! ;D

Quer entrar em contato conosco? Nosso email é dear.book@hotmail.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Layout de Giovana Joris