segunda-feira, 13 de abril de 2015

Resenha: "Lições de Vida" (Ane Tyler)


P
Por Sheila: Oi pessoas! Como estão? Trago hoje para vocês mais uma autora best-seller pelo The New York Times. Tenho lido muitos ultimamente e chegado a conclusão de que este decididamente não é meu gênero favorito. Por isso, confiram otras resenhas além da minha, afinal o livro ganhou um Pilitzzer!
Mas vamos à sinopse do skoob:
Skoob: Maggie Moran e seu marido são comuns, até um pouco tediosos. E é esse realismo que torna esta história tão eficaz e comovente... Começa em um dia de verão, quando Maggie e Ira viajam de Baltimore para a Pensilvânia para um funeral. Maggie é impetuosa, desastrada, desajeitada, propensa a acidentes e tagarela. Ira é reservado, preciso, respeitável, tem uma mania irritante de assobiar músicas que traem seus pensamentos mais profundos e acha que sua esposa transforma os fatos de maneira que se encaixem na sua opinião sobre as pessoas que ama.

Ambos sentem que seus filhos são estranhos, que a cultura das novas gerações está indo por água abaixo e que, de alguma forma, se enganaram com essa sociedade cujos valores não reconhecem mais. Mas esta viagem vai levá-los a refletir sobre estas angústias, e vai mostrá-los como é importante reavaliar seus sentimentos.
Geralmente eu não gosto muito das sinopses, mas parece que desta vez quem a escreveu acertou em cheio: iremos acompanhar a rotina e alguns dos dilemas existenciais de Maggie e Ira, que são comuns e um pouco tediosos - assim como acaba ficando um pouco da escrita de Ane Tyler.

A autora se foca tanto em fatos cotidianos, como volta junto com os personagens ao passado, para explicar como estes se conheceram, acontecimentos que marcaram suas vidas. Maggie e Ira são um casal que tem muitos pontos de divergência, mas que apesar disso consegue manter seu casamento sólido ao longo de 28 anos, criando juntos seus dois filhos.

A história começa com a ida um tanto quanto desastrosa do casal para o funeral de uma amiga de Maggie. Entre desentendimentos, lembranças, o autora vai descrevendo quem são os personagens, seus anseios, sonhos, dificuldades, erros e acertos.

Na verdade, é um romance leve e com uma narrativa mais descritiva, que explora a temática das relações humanas mas sem nenhum grande conflito central, sem reviravoltas, dramas, descobertas. Acredito que leve e delicado seja a palavra que descreve este romance que, infelizmente não me prendeu. Se lá, talvez eu goste mais da adrenalina, e daquelas histórias em que o sangue praticamente escorre das páginas ...

Recomendo que você leia e me diga o que você achou, principalmente do final, ok? Abraços e até a próxima!


Um comentário :

  1. Fiquei curiosa por esse ritmo lento rs
    Gosto de narrativas mais descritivas e que colocam em pauta as relações humanas. Adicionando na estante virtual em 5,4,3...

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante para nós! Pode parecer clichê, mas não é. Queremos muito saber o que achou do post, por isso deixe um comentário!

Além de nos dar um feedback sobre o conteúdo, contribui para melhorarmos sempre! ;D

Quer entrar em contato conosco? Nosso email é dear.book@hotmail.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Layout de Giovana Joris