quarta-feira, 14 de julho de 2010

INDICAÇÃO: "Mulheres, Comida & Deus" - Geneen Roth

Se tem um assunto que sempre pode ser considerado enigmático, além dos homens, são os sentimentos. Ora estamos felizes, ora tristes. Em um momento queremos chutar tudo para o alto e no outro queremos abraçar e distribuir beijos a todos. Em um instante estamos de regime e no outro só falta que queiramos comer a geladeira... Enfim, a mulher é feita de sentimentos, nós propriamente, somos enigmáticas. Não são apenas os homens que se devem uma autoanálise, mas nós também.
Você deve estar se perguntando o por que de toda esse desabafo, não é? rs. Então, vamos diretamente ao ponto: A Editora Lua de Papel lança um livro que é, sem dúvida nenhuma, o nosso número, “Mulheres, Comida & Deus” baseia-se em casos reais, e mostra que a comida está longe de ser o único prazer verdadeiro em nossas vidas. Numa abordagem inédita, a autora traça a relação entre nossos sentimentos não digeridos e situações mal resolvidas com a comida. A autora nos ensina a viver de forma diferente, sem as frustrações descontadas na pobre comida. Poderia até dizer que ela nos ensinará valores, como quem sabe, perceber a felicidade nas coisas pequenas ao invés de sair engolindo todos as barras de chocolate guardadas em seu armário. Se você não está bem ou é como nós, mulheres normais e mortais, tente frear a sua frustração do momento com uma leitura. Uma leitura é saudável e o melhor de tudo: nos ensina e não engorda! (É eu estou me sentindo engraçadinha hoje...rs). Não deixem de conferir mais um lançamento da Editora Lua de Papel.



"Uma estratégia inspiradora para quase tudo na vida."


Informações Técnicas:
ISBN:
978
-85-63066-18-3
Formato:
16×23cm
Tradução:
Elvira Serapicos
Preço:
R$ 34,90
Páginas:
192
SOBRE A AUTORA:
GENEEN ROTH na adolescência ora foi bastante obesa ora muito magra, atormentada por sentimentos de vergonha e culpa. Depois de vários anos flutuando tanto em peso quanto em sentimentos em relação a isso, desenvolveu um caminho próprio para deixar de ser vítima da comida, e hoje possui nove livros publicados sobre o assunto, tornando-se uma referência no tema. Desde o lançamento nos EUA em Março deste ano, Mulheres, Comida & Deus figurou por várias semanas no primeiro lugar da Amazon e também na lista do NY Times, com a venda de mais de 500.000 livros em apenas dois meses.

10 comentários :

  1. Esse é o tipo de livro que toda mulher tem q ler, achei muito bom! Ótimo post, Paula! ^^

    ResponderExcluir
  2. Muito interessante! Gostei da abordagem do texto, quero ler esse livro!

    ResponderExcluir
  3. EU QUERO MUUUUITO ESSE LIVRO *-*

    ResponderExcluir
  4. Sinta-se engraçadinha sempre, porque o post ficou ótimo, adorei! hahaha Gostei da indicação porque como diz ali na autora, eu também engordo e emagreço ahah :] O livro parece interessante.

    ResponderExcluir
  5. Eu gostei mto mto do seu post, viu? Mesmo! Talento natop pra escrita, rs!
    Obrigada pelo apoio e espero q todas as mulheres aproveitem esse livro como eu aproveitei! Mudou minha vida!

    ResponderExcluir
  6. Nossa Talita, muito obrigada pelo apoio! Fico lisonjeada com seu comentário, e no que depender de nós esse livro ajudará muitas pessoas. Estou louca pra ler!

    ResponderExcluir
  7. Doida para ler esse, me pareceu muito interessante e combina cmg. Gordinha muito fofa!

    ResponderExcluir
  8. Pra quem gosta de auto ajuda e precisa levantar a moral! É um ótimo livro! Nao gosto desse gênero.

    ResponderExcluir
  9. Eu também não gosto muito desse gênero Sheylla
    O título desse livro me lembrou outro (Comer,Rezar,Amar) e não sei porque

    ResponderExcluir
  10. Eu adoraria ler esse, assunto ótimo!

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante para nós! Pode parecer clichê, mas não é. Queremos muito saber o que achou do post, por isso deixe um comentário!

Além de nos dar um feedback sobre o conteúdo, contribui para melhorarmos sempre! ;D

Quer entrar em contato conosco? Nosso email é dear.book@hotmail.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Layout de Giovana Joris