terça-feira, 12 de março de 2013

Filme: “Django Livre”

Primeiramente, devo confessar uma coisa: sou muito fã dos filmes do Quentin Tarantino. Para mim, ele é um dos melhores. “Segundamente”, nem todo mundo é como eu. Nem todo mundo curte o estilo que o diretor/produtor/roteirista adota em seus filmes.

Tarantino é fã de sangue, de palavrões, de brigas. TODOS seus filmes tem uma dose de tudo isso e mais um pouco.
Mas também, ele deve ser fã de história porque, pelo menos com seus dois últimos filmes (Bastardos Inglórios e Django Livre) há muita história neles (com algumas coisas bem ficcionais, claro).


Para mim, ele é um gênio que sabe o que fazer com uma câmera. Adoro seus filmes que trazem sempre um close aqui ou ali, uma sequencia de cenas geniais, enfim, vou parar de babar nele.

Peço, portanto, licença para babar em um outro gênio. Esse que para mim é um dos melhores atores atualmente. E assim como Johnny Depp e Tim Burton, formou uma dupla perfeita com o diretor Tarantino. Estou falando de Christoph Waltz, o ganhador do OSCAR deste ano de 2013 na categoria “Melhor Ator Coadjuvante”. Categoria que já havia vencido em 2010, com uma atuação brilhante em “Bastardos Inglórios”, como o coronel Hanz Landa. Atuação essa que me deixou estupefata, abismada. Um dos melhores vilões que já vi. Interpretação majestosa. Realmente digna de OSCAR.


Agora, eles voltam a trabalhar juntos e novamente, mais um OSCAR para Waltz. Acho que isso quer dizer algo não é? Acredito que um é o complemento do outro. Almas gêmeas do cinema. Hahahaha...

Bom, vamos ao filme. Confesso que não espera um filme melhor que “Bastardos”, pois esse realmente me deixou de queixo caído.

Falaram que não dá para comparar os dois filmes, porque, mesmo sendo do Tarantino, são histórias diferentes. 


Eu concordo. Não sei explicar qual eu gostei mais, se é que tenho um favorito entre esses dois.

Enfim, o filme começa com um caçador de recompensas (Chrstoph Waltz) libertando o escravo Django (Jamie Foxx) para ajudá-lo a reconhecer três irmãos que estão sendo procurados. Com isso, eles acabam criando uma amizade. 
No passado, Django se viu obrigado a se separar de sua mulher, Broomhilda (Kerry Washingtom), pois ambos foram vendidos para senhores diferentes.

Ele conta toda sua história para o amigo, que fica comovido. E, após conseguirem várias recompensas, decidem ir atrás de Broomhilda para libertá-la.

Acontece que ela agora é “propriedade” de Calvin Candie (Leonardo diCaprio), um homem muito maldoso, fã de briga de escravos e que, com certeza não vai querer vender a escrava tão facilmente. Então, Django e Shultz armam um plano.

Adorei ver Leo diCaprio em um filme do Tarantino. A atuação dele é realmente muito boa, mas como coadjuvante, não teve chances contra Waltz, que como disse, mereceu o OSCAR. Já, Leonardo, não foi nem indicado (tadinho!!!), mas nem por isso sua atuação deixa de ser perfeita.
O que mais me chamou a atenção nele, é sua cara demoníaca. Sério, muito bizarra, me assustou em alguns “closes”... Nem parece aquele lindo com cara de anjo de “Titanic”...

Outro que eu adorei ver, novamente num filme de Quentin, foi Samuel L. Jackson, que realmente me surpreendeu não com sua atuação, mas sim, com sua aparência. Estranho pensar que ele estava inteirão em “Pulp Fiction”. Ou ele realmente envelheceu demais, ou o tempo voa. Ou talvez os dois.

Finalizando, para quem gosta de filmes de ação, esse é imperdível!!


DJANGO LIVRE (2013)


ONDE ASSISTI PELA 1ª VEZ: no cinema
QUANDO: 27/02/2013
POR QUE EU ESCOLHI ESSE FILME: porque estava em cartaz e queria assisti-lo, por ser do Tarantino, com o Christoph Waltz e Leonardo diCaprio.
O QUE EU SABIA DE ANTE MÃO:
- Concorreu ao OSCAR em várias categorias
-Que Christoph Waltz (vencedor do OSCAR de Melhor Ator Coadjuvante por esse filme), Jamie Foxx e Leonardo diCaprio estava no elenco
-Que era sobre escravidão
-Que teria muito sangue, hehehe
DIRETOR DO FILME: Quentin Tarantino
QUEM SÃO OS ATORES PRINCIPAIS: 
Jamie Foxx, Christoph Waltz, Leonardo diCaprio, Samuel L. Jackson
QUE TIPODE FILME É: Ação/Drama/Western/Comédia
O FILME FOI MAIS, IGUAL OU MENOS DO QUE EU ESPERAVA: Foi mais. O roteiro, a interpretação de todos e a direção foram incríveis.
PONTO FRACO: É um filme muito longo, tem que ter tempo para assisti-lo.
UMA CENA: A que mostra a rápida aparição de Quentin Tarantino
CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: 16 anos.
RECOMENDO ESTE FILME: Sim. Para quem gosta desse tipo de filme de ação e também para quem é fã do Tarantino.
DICAS PARA QUEM PRETENDE ASSISTI-LO:
- Fazer pipoca;
- Assista legendado
-Tenha tempo para assisti-lo
- Preste atenção nas cenas
- Não tenha nojo de sangue.

Bom filme!!!
Kell =)

16 comentários :

  1. Também adoro Tarantino e esse foi fantástico!! E estou aqui ouvindo a trilha sonora dele... Adorei o filme e a participação explosiva do diretor nele! rs...

    abraços,
    Luciana

    ResponderExcluir
  2. eu não curto muito os filmes do Tarantino, mas adorei Django. Tem uma história muito boa, e um ritmo bem melhor do que o último que eu vi dele, Bastardos Inglórios. Sinceramente, acho que se não fossem as cenas de tiroteio eu nem diria que o filme é dele HAHAHA. Só achei ele desnecessariamente longo. Depois de um determinado momento, eu só conseguia pensar "pelo amor de deus, parece novela das oito, ACABA LOGO", porque não aguentava mais a falta e resoluções! XD
    E o Chris Waltz SUPER mereceu o Oscar, divo máximo <3
    Beijocas

    http://nossosromancesadolescentes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Pelo trailler eu achei que ia morrer chorando no filme, por causa da história da mulher dele... Agora que vi a resenha to com um pouco mais de coragem para assistir.

    ResponderExcluir
  4. Filmes de ação não figuram entre os meus favoritos, mas preciso dizer que Tarantino é Tarantino! Django Livre é animal, e realmente não sei dizer se gosto mais dele ou do Bastardos, apesar de que a temática do Bastardos me atrai muito mesmo. Os filmes mais antigos dele também são muito bons, como Um Drink no Inferno.
    Ah, na época do Titanic eu nem curtia o DiCaprio, não botava muita fé. Mas com a maturidade, tenho que admitir que se revelou um ator e tanto, e parece saber seus trabalhos muito bem.

    Bj
    Livro Lab

    ResponderExcluir
  5. Também sou um grande fã doTarantino, seus filmes são geniais.O elenco é de primeira e foi merecido o Oscar para o Christoph Waltz como melhor ator Coadjuvante.Espero ver mais obras de artes como essa.

    ResponderExcluir
  6. Não sou fã do estilo Tarantino - sangue demais, loucuras demais. Mas preciso reconhecer que o cara é gigante com uma câmera nas mãos e vale muito ver seus filmes pelas sequências surreais, criatividade gritante e muita ação!
    Amei a sinopse e quero muito ver o filme. Especialmente pra ver o DiCaprio se superando mais uma ves. Pena que ele não perca essa carinha de anjo, parece que nunca vai ter cara de homem, rsrs. Mas ele tenta e se sai super bem! Adoro ver suas construções impecáveis e sua 'desconstrução' da beleza.
    Já Waltz, o que dizer desse senhor que ensina como atuar? Grande!

    ResponderExcluir
  7. Tarantino se superou nesse filme. Fez algo original, não deixou de colocar sua marca tarantinesca! Django é só sucesso

    ResponderExcluir
  8. Estou dividida nesse filme li muitas críticas negativas e positivas, ambas com argumentos "digamos palpáveis". Estou com medo de perder meu tempo assistindo, mas vou confiar na sua opinião (e nunca me arrependo) , e vou assistir.....

    ResponderExcluir
  9. Eu sou fâ do tarantino adoro os filmes deles. O django foi filme muito bom, meu personagem favorito foi o do Christoph Waltz o dr. alemao dei muitas risadas com o personagem, outro que eu também adorei foi o Samuel L. Jackson. Vou querer ter ele na minha estande.

    ResponderExcluir
  10. Tarantino é bem assim: Ame ou Odeie!
    Eu amo, é claro!!!!!!!rs Essa mistura que ele apronta, sangue, palavrões e até pornografia em seus filmes é que faz com que suas obras sejam vistas e revistas!!!
    Amei Bastardos..e tbém acreditei q ele seja fã de histórias..rs ou esteja aprendendo a amá-las né?
    Não gosto do trabalho do Léo..rsrs(não me bata),mas acho que fraco, fraco..
    Django é uma obra q marca a nova fase do cnema mundial com certeza!!
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Já disse que esse filme é doido? Tão doido que nem sei se vou ver, mas quero. Gostei dele.

    ResponderExcluir
  12. Eu não assisti a esse filme, na verdade não me empolquei em assisti.

    ResponderExcluir
  13. Gente... QUE FILME MARAVILHOOOOSO!!!! kkkkk Eu fiquei loooouca no fim do filme! Deu vontade de bater palma!!! kkkkkkkk eu ameeei demais!!! Principalmente as ultimas cenas onde o Django mostra toooda a sua inteligência, esperteza e sagacidade kkk ele é demais! E o jeito metidão dele é ótimo tbm! rsrs E o roteiro? impecável!! rs infelizmente eu não o assisti no cinema :[ mas de qualquer modo... um dos melhores filmes que já vi!

    ResponderExcluir
  14. Não sabia desse filme, não assisti. Fiquei sabendo agora. Não assisto muitos filmes. O único citado que conheço são o Johnny Depp e Tim Burton, e claro: o Leonardo.

    ResponderExcluir
  15. Amo ler sobre cinema e aprender um pouco mais sobre a 7ª Arte! Já ouvi falar demaaaais desse filme. Oscar e afins. rs Quero muito assistir, já que deve mesmo cumprir tudo que promete, não é? =D

    Parabéns pela resenha, Kell! ^^

    Bjs,
    @gabiipascoal

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante para nós! Pode parecer clichê, mas não é. Queremos muito saber o que achou do post, por isso deixe um comentário!

Além de nos dar um feedback sobre o conteúdo, contribui para melhorarmos sempre! ;D

Quer entrar em contato conosco? Nosso email é dear.book@hotmail.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Layout de Giovana Joris