sexta-feira, 2 de novembro de 2012

Happy Hour #26 - II Especial Halloween


Olá pessoal!! Como vão vocês?! Confesso que eu estaria melhor se hoje não fosse véspera do ENEM. Mas enfim, não posso pular esses dois dias (infelizmente), então o jeito é enfrentar a fera!!  E falando em feras e coisas assustadoras, estão curtindo o Segundo Especial Halloween do Dear Book?! Vi que vocês curtiram a Happy Hour #25 e as canecas, né? Amei os comentários, como sempre! '-'



Mas a bola da vez é o Halloween!! Fiquei pensando, pensando e pensando num tema bem legal para abordar hoje e vi que numa data cheia de misticismos e lendas a gente poderia falar um pouco mais disso... Daí, decidi falar sobre lugares "mal assombrados" pelo nosso Brasilzão!! Claro que eu não vou conseguir colocar aqui todos eles mesmo porque eu não sei e nem são todos documentados por aí, né? ;D Mas fiz uma pequena seleção!!


E não para por aí!! O toque especial da HH vai ser de vocês!! Eu fiz minhas pesquisas e achei uns lugares com histórias bem legais de várias partes do Brasil e, como temos leitores de todo país, vocês irão nos contar se há algum lugar assim na sua cidade, se conhece outras histórias, se já passou por algum episódio sinistro e, enfim... Preparados? Vamos lá!!



Mercado Modelo - Salvador, Bahia
Nada melhor que começar com a nossa querida Bahia! Belíssimo estado, com diversidade e riqueza cultural singulares. 

A história conta que quem trabalha no Mercado Modelo não tem dúvidas que existe algo sobrenatural por lá! Gritos de dor e pedidos de socorro são ouvidos nas proximidades do subsolo, onde existem os túneis que foram construídos para armazenar bebidas. A crença popular garante que os negros recém-chegados da África eram jogados nesse calabouço. À noite costuma-se ouvir (também nas imediações do Mercado) o som das correntes e barulhos de açoite


Mesmo com todas as histórias o lugar é lindo!! '-'



Carruagem Fantasma - São Luíz, Maranhão
A Praia Grande no passado.
Em São Luis vivia uma mulher poderosa chamada Ana Jansen (1793-1869). Teve uma infância e adolescência miserável, mas mesmo assim casou-se com um dos homens mais ricos da cidade. Depois da morte do marido, ficou conhecida como a “Rainha do Maranhão”. Dizem que era extremamente cruel com seus escravos, deixando-os morrer à míngua, dentro de um poço. Após sua morte, pessoas a teriam avistado, vestida de negro, dentro de uma carruagem conduzida por dois escravos, nas proximidades de Praia Grande.



Belíssimos casarões!



Fantasma de Neutel Maia - Rio Branco, Acre

Rio Branco foi fundado em 1882 pelo cearense Neutel Maia. Na Rua da Cunha Matos, existe uma árvore chamada Gameleira onde ele acampava logo que chegou à região, até então inóspita. A árvore tem 20 m de altura e 2,5 m de diâmetro. Ela é tão respeitada que foi tombada como Monumento Histórico em 1981.


Pessoas já viram o vulto de um homem, que poderia ser o espírito de Neutel Maia, sentado abaixo da copa da árvore ou caminhando nas proximidades.

A história Gameleira
de Rio Branco


Bolsa Oficial do Café - Santos, São Paulo
O salão em que eram realizados
os pregões da bolsa!

Construído em 1922, o prédio da Bolsa do Comércio do Café movimentou milhões nestes tempos. Em seu salão central diz ser possível ouvir vozes que seriam dos operadores de pregão, nos tempos em que o Brasil detinha 60% da economia mundial devido ao comércio de café. Nas proximidades, foram avistados vultos que supostamente seriam dos barões do café. O prédio é tombado como Patrimônio Cultural e abriga exposições permanentes.


Nessa foto parece bem sombrio!! 



Edifício Joelma - São Paulo
Imagem do
incêndio.
É conhecido por ser um dos prédios comerciais mais importantes da década de 70. Foi vítima de um incêndio que durou quatro horas, pessoas se jogavam das janelas na esperança de fugir das chamas. Em meio ao desespero, 13 pessoas morreram dentro do elevador, tentando se salvar. Seus corpos não foram identificados e surgiu o “mistério das 13 almas”.

O prédio ainda está lá, mas atualmente chama-se Edifício Praça da Bandeira.




O túmulo das "13 almas". Sinistro!! =O




As Caixeiras da Pedra do Divino - Itaguatins, Tocantins
A Pedra do Divino é uma história intrigante da cidade. Todos os anos durante a festa do Divino a cidade pára para ouvir as batidas de tambor vindas da Pedra do Divino, uma imensa rocha de difícil acesso localizada no meio do rio.

O local foi palco, na época do garimpo, de uma tragédia. O barco que transportava um grupo para a festa do Divino naufragou. Ninguém sobreviveu.

Desde então, no período da festa do Divino, ouve-se ao longe o barulho produzido pelas caixeiras. Não se tem notícia de algum morador da cidade que tenha tido, até hoje, coragem de ir á pedra conferir de perto o fenômeno. Aah, mas eu também não teria!! rsrsr

Extenso rio de Itaguatins. Não achei, infelizmente,
uma foto da Pedra. =/



Penitenciária do Cariri - Juazeiro do Norte, Ceará
Localizada no Sítio Tourão, A Penitenciária Industrial e Regional do Cariri tem fama de ser mal-assombrada. Câmeras de segurança detectaram aparições em sua central de monitoramento: uma imagem fantasmagórica foi capturada na central de monitoramento dos presos. Também já ouviram o lamento das mulheres que foram mortas pelos assassinos que estão presos.

Alguns dos detentos e funcionários da penitenciária afirmam serem os espíritos das mulheres assassinadas que vagam por este local. Como a energia é muito densa, fenômenos de poltergeist foram relatados, como abrir e fechar de portas e janelas, som de passos, choro de lamentação, entre outros.

Ai gente, que lugar esquisito!! =S


Fantasmas em Brasília - Distrito Federal

Candangos
Nossa capital foi construída por pessoas simples conhecidas como candangos, que trabalharam nas principais construções da de Brasília. Por isso, comenta-se que existem fantasmas dos calangos em toda a cidade.


Na Ermida Dom Bosco (1815-1888) diz-se ter visto o vulto de um padre usando uma batina preta que poderia ser o próprio sacerdote Dom Bosco que profetizou existir nos paralelos 15 e 20 do hemisfério Sul um lugar abençoado com riquezas materiais e espirituais. Que loucura essa história! =O


Na chegada à futura Brasília.




Casa em Buriti dos Lopes - Piauí
Os moradores da rua Tiradentes andam desconfiados e meio apavorados com os estranhos acontecimentos que tem rondado aquela região. 

Tudo começou quando, sem nenhuma explicação plausível, nesta residência, localizada naquela rua, objetos começaram a se movimentar "por conta própria"

Os vizinhos contam que a única moradora da casa, Dona Francisca, uma senhora já idosa, perdeu grande parte de seus bens por conta desses acontecimentos. 

Além dos móveis da casa que ficavam transitando de um lugar para outro foram encontrados também copos voando pela frente da casa... 

Parece mais um cenário de
filme de terror que uma casa!! CREDO!!



~// ~



Então pessoal, essa foi a Happy Hour Especial de Halloween!! O que vocês acharam? Acreditam nessas histórias ou jogam no time dos céticos? Confesso que não faço parte do grupo "ver-para-crer" porque se visse, acho que teria um troço! hahahahah ;D Sou medrosa nesse aspecto, eu confesso. =S E aqui, nós iremos manter o combinado lá do começo né? Estou esperando os comentários e os relatos de vocês, hein!! *-*

Desejem sorte e rezem por mim no ENEM desse fim de semana e nos vestibulares que viram nos meses de Dezembro e Janeiro também. Aos vestibulandos, meus sinceros votos de sucesso. Eu entendo o drama de vocês!! =D

Beijão galera e até a próxima!! 


Fontes: Hugo Camelo, Arquivo do Insolito, Terra.

15 comentários

  1. Eu definitivamente não fico no time dos céticos, mas só acredito vendo mesmo. rsrsrs
    Não sei se teria coragem de provar cada espaço "assombrado", mas acho que, como muitas pessoas, o medo me faria acreditar em coisas que, muito provavelmente, não estariam lá.
    Esse assunto é bem difícil, muitas pessoas tentam provar, outras permanecem céticas... sei lá o que pensar rsrsrs

    xx

    Only The Strong Survive

    ResponderExcluir
  2. Eu gosto de história assim, mesmo não acreditando muito. aah, não tem nenhum do RJ :c
    Boa sorte no ENEM amore, tenha fé, dará tudo certo!

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. eu até acredito em algumas coisas e gostaria de ver de perto, mesmo sabendo que vou ter um piripaque, kkkkkkk
    Ah, boa sorte no ENEM!!!
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Gente, tensíssimo oO pior que eu acredito muito em algumas coisas UHAUHAUH já ouvi sobre o fantasma de uma noiva lá num cemitério de Santos, também.
    Lá na FMVZ da UNESP, onde eu estudo, tem a história do fantasma do Walter. É bem interna, mas o pessoal que fica lá de noite morre de medo UHAUHAUH acho que todo lugar tem alguma história fantasma, né?
    Mas uma coisa é certa: não vou nesses lugares de noite. Muito menos na noite de Halloween UAHUHA melhor prevenir que remediar, né.

    Leeh - hangoverat16.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Eu acredito, mas não tanto. Queria ver pra ter certeza mesmo kkk

    ResponderExcluir
  6. antes de morrer vou a todos esses lugares! hahahahahahahaha

    ResponderExcluir
  7. Lugares mal-assombrados, fantasmas ... o sobrenatural continua a ser chamar a nossa atenção cada vez mais kkkkkk

    ResponderExcluir
  8. Não sei se acredito nestas coisas... Bem, ver para crer, é o meu lema.

    ResponderExcluir
  9. Poxa, não conheço nenhuma história de lugar mal assombrado aqui no lugar onde moro (Rio de Janeiro, capital). Pelo menos não lembro de nenhuma no momento pra compartilhar.

    Mas pra você ver, a maioria dessas histórias tiveram origem no passado. Hoje em dia, não se contam mais esse tipo de coisa. Acho que era pra assustar os jovens da época rs

    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. conceteza tem algumas coisas absudas ,mas é de bom.

    ResponderExcluir
  11. Dia dos mortos! É uma festa muito colorida, animada e com um motivo muito fofo (sim, fofo!). E nos EUA é coisa de cinema mesmo, eles se dedicam como vemos nos filmes! Quando era criança, alguns anos me fantasiei e saí com os amigos pedindo doces (culpo minha escola por incentivar esse mico!)! Mas era recompensador!

    ResponderExcluir
  12. Credo, 13 almas, carroças, gritos, sons, vultos, nem.... prefiro as coisas mais concretas, sou muito medrosa!

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante para nós! Pode parecer clichê, mas não é. Queremos muito saber o que achou do post, por isso deixe um comentário!

Além de nos dar um feedback sobre o conteúdo, contribui para melhorarmos sempre! ;D

Quer entrar em contato conosco? Nosso email é dear.book@hotmail.com

 
Ana Liberato