sábado, 4 de fevereiro de 2017

Retrospectiva Dear Book 2016 – Autores parceiros e autores independentes

Última retrospectiva!

Se você está procurando por um livro e não sabe bem qual adequar ao momento – ou mesmo está em dúvida sobre levar ou não um livro a mais no carrinho de compras numa promo, vamos destacar neste post livros e trechos de resenhas da nossa equipe, de 2016. Esperamos que isso ajude nossos caros leitores na hora da compra ;) Acompanhem as retrospectivas!

Obs: nem todos os livros são lançamentos de 2016.

 Space Opera – Um novo começo
Karen Alvares e Melissa de Sá (parceiras <3)
Editora Draco
Resenha completa aqui

[...] Um Novo Começo concentra muita história, e muita história para suas poucas páginas. As autoras fazem isso muito bem, sabem nos convencer da trama, pontuam os dilemas e cativam. Elas também demandam um pouco de nossa atenção, visto que exploram tanto, do universo, da sociedade, da existência, o que confere uma bela riqueza de detalhes à noveleta por completo. Curti bastante esse tom distópico, conspiratório e de esperança cega.
Karen e Melissa mais uma vez mostram que têm um ritmo impressionante, elas sincronizam seus potenciais de modo que sabe-se lá onde começa uma e termina a outra. Isso se revela tanto na maneira com que escrevem, como sustentam a trama e como se arriscam no mote. Você vê tudo como exatamente te guiam. E quando chega ao fim, te arrebatam. [...] Se você quer sair das órbitas costumeiras – e cair da cadeira – essa leitura é pra você sim!

O canto do cisne
Bianca Sousa (parceira <3)
Independente
Resenha completa aqui

O Lago dos Cisnes, posso afirmar que é o ballet de repertório mais conhecido do mundo e mais remontado também. E foi nesse famoso lago que Bianca Sousa foi buscar inspiração para recontar essa fábula cheia de magia. Que eu gosto de ballet não é nenhuma novidade, novidade mesmo foi o que a autora fez para dar uma nova cara e um novo formato para esse clássico dos palcos. [...] Eu estou apaixonado pelos livros da Bianca, ela tem uma forma tão fluída de escrever que te prende do primeiro capítulo até o último. Leitura de fácil entendimento com alta probabilidade de vício.

Fora da luz
Melissa de Sá
Independente
Resenha completa aqui

Fora da Luz é um conto super curto que demonstra a perspicácia da Melissa de Sá. [...] ela gosta de capturar cenas inusitadas de uma dada situação e dar seu toque curioso. Neste conto em particular, Melissa transita rapidamente entre mundos e deixa a sacada para o final. Gosto de sua maneira de como nos conduz na história, ela faz com tamanha naturalidade que super vende o pequeno enredo. Gosto também do controle que ela tem para não entregar o ouro logo de primeira, Melissa bem curte um suspensezinho.


Noite das garotas
Izabela Lopes
Independente
Resenha completa aqui

Acho que o que mais me chamou atenção foi a naturalidade das garotas e como juntas elas celebram a amizade. Quem não tem aquele círculo de besties para tagarelar o dia todo no whatsapp, né? ^^
Entretanto, no que consta sobre a estrutura do conto, este deixou a desejar... A história me parece que seria ainda melhor se fosse mais longa, com mais desenvolvimento dos conflitos; senti que a autora ficou um pouco presa a fechá-lo como pequeno. Foi algo mais estrutural mesmo, de maturar e conciliar com a trama. Não curti muito o final ou como a autora foi encaminhando esse fim, me pareceu um pouco fora de tom e foco, porém, é uma leiturinha interessante para um descanso e os diálogos das meninas são ótemos!


Uma princesa diferente – uma princesa pirata
Amy Potter
Independente
Resenha completa aqui

Em Uma Princesa Diferente, adentramos o reino dos sonhos de uma garotinha e as aventuras que ela arruma quando se propõe a ser diferente a cada noite. Pelo que vi, há uma série de livros dessa garota sob tal premissa, em que ela quebra mais e mais estereótipos de gêneros sendo uma princesa pirata, super heroína, vaqueira, cavaleira e até mesmo viajante espacial.
[...] Sendo livro infantil, o ebook conta com ilustrações. Vale a dica de que tem ebook em inglês e espanhol também, que facilita o contato das crianças com línguas estrangeiras. A versão portuguesa precisa de um pouco de revisão, porém, nada que interrompa muito a leitura.



A vendedora de calcinhas usadas e outros profissionais
Mariana de Lacerda
EX! Editora
Resenha completa aqui

Para minha surpresa, era um ebook para além de uma comédia; é um drama de costumes. [...] Achei super legal como Mariana soube arquitetar e contar cada história, sem ser cansativa, nem óbvia demais. Aliás, com pequenos mistérios e suspense, ela nos instiga a ler bem rapidinho e passar as páginas pra descobrir o desenrolar. [...] Curti muito o ritmo de leitura, as sacadas da história e a simplicidade com que Mariana escreve – demonstra que vale a pena acompanhar a autora. Se você procura algo leve, breve, divertido e despretensioso, cola lá na Mariana ;)

Livre Mente
Isabela Xavier
Independente
Resenha completa aqui

Na época de minha primeira leitura, sei que me identifiquei pouco, evocando mais da empatia, mas gostei da seleção de Livre mente; já nesta segunda leitura, sentei com Isabela e ela imprimiu em diversos poemas o que venho me dando conta. Sabe quando você pausa um pouco a vida para entender o que tá acontecendo? Que é preciso desacelerar? Desse jeito. [...] Isabela não corre atrás do etéreo, nem do fantasioso; nem da crítica, tampouco do sentimentalismo, só do ser interior, que por si só, já se transborda. [...] Momentos de transição nos pedem uma compreensão que não temos, mas que precisamos fazer florescer e crescer. Se você entende do que tô falando, sabe o que procurar; se não entende, fica para uma próxima ;)


O ar da cidade liberta
Lívia Martins
Independente
Resenha completa aqui

Imagino que uma sinopse dessa já te faça imaginar toda a história, começo, meio e fim, algo muito conhecido pela cultura afora, mas Lívia aqui te engana direitinho. O ar doce desse clichê se esvai tão logo os pontos se cruzam. Não é uma história de donzelas, tampouco ingênua. [...] O conto tem um desenvolvimento daqueles que mais conta do que mostra e a autora poderia explorar bem mais, mas nada disso prejudica sua impressão pelo enredo. Sente-se que Lívia queria entregar aquele fim e só.



O chamado da floresta
Jossi Borges
Independente
Resenha completa aqui

Jossi coloca elementos muito conhecidos da literatura fantástica, porém, com um toque singelo, ingênuo e despretensioso. Geralmente se pensa no curupira como uma figura travessa e sempre tão à margem nas histórias. Jossi o coloca de maneira repaginada, o que é um bom conflito e arranjo para a trama. [...] Achei bacana que a Jossi não deixou de explorar outros conflitos, escolha que muitos contos por aí deixam a desejar. A corroborar, sua escrita é leve e serena, o que deixa a leiturinha um amorzinho para fim de noite, descanso e muitos sonhos.



Mercadores da morte
Sandy Lima
Editora Saramandaia
Resenha completa aqui

O livro é muito bem construído e narrado e a estória bem amarrada. O que mais me chamou a atenção foi o detalhamento a respeito do Sub Mundo, as lendas, as histórias, como tudo se encaixa e é bem explicado, mas sem ficar aquela coisa que se delonga por páginas e páginas e deixa o leitor cansado. [...] Então se você curte livros com temática sobrenatural, com uma história bem traçada e quer dar um tempo nos enredos de vampiros, lobisomens e afins, pode se entregar a essa leitura!




O retorno de Maria Metálica
Lorena Rocque (parceira <3)
Chiado Editora
Resenha completa aqui

Se vocês gostaram do início das aventuras dessa marciana, só tenho a dizer que a continuação é bem melhor do que o primeiro volume. Tenho preconceito com continuações, mal de Disney (eles não sabem fazer continuações para os clássicos - minha opinião), mas achei incrível a evolução da saga e aguardo a continuação para ver onde essas páginas vão me levar. A revisão fez um trabalho melhor do que no primeiro volume, afinal as ideias de Lorena para essa trilogia é ótima só precisou de uma lapidada nesse diamante bruto.


O Quebra-Nozes – grandes clássicos do balé em quadrinhos
Jorge Marcos Costa e William Romão Costa
Instituto Passo de Arte
Resenha completa aqui

Gosta de Graphic novel? Gosta de balé? Já imaginou os dois juntos? O Instituto Passo de Arte está com esse projeto muito interessante de levar os grandes clássicos do balé para as páginas das graphic novels (histórias em quadrinhos). [...] O resultado ficou impressionante, as ilustrações foram baseadas em fotos e nas coreografias reais d´O Quebra-Nozes.
[...] O intuito, além de popularizar a história, é ser um material de referência para estudantes da dança. O formato de graphic novel facilita a leitura para crianças, mas não só elas, os adultos também que poderão ter o recurso visual para que todo o pano de fundo por trás desse clássico seja mais claro.

Abner e a história (ainda) não escrita
Daniel Wu (parceiro <3)
Independente – formato facebook interativo
Resenha completa aqui
Leia GRATUITAMENTE aqui

O que Daniel construiu foi uma história muito rica. A ambientação, os detalhes, as ilustrações, os trechos em destaque, tudo um primor só. A trama e os conflitos também não deixam nada a desejar, estão bem conciliados. O autor vira e mexe muito nessa questão da aceitação e das escolhas. Na verdade, Abner e a história (ainda) não escrita respira escolhas. [...] E as referências? Muita tiradinha, perspicácia e até conspiração. Wu faz um redemoinho delas, vez e outra quebrando um clichê ou retomando um em suas intervenções... Há sempre um toque sobre algo ser real ou duvidoso. Dá aquele feel de que é uma animação pra criança, mas são os jovens e os adultos que realmente pegam a sacada.
Abner e a história (ainda) não escrita me impressionou bastante em toda a desenvoltura. Quantos caminhos! Quanta criatividade! E quanta curiosidade de espiar os outros lados da história hehehe

Minhas palavras – relatos e poemas
Raquel Morelli (parceira <3)
Editora AM2
Resenha completa aqui
 
[...] apesar de não traçar um começo e contar sequências, em Minhas Palavras você encontra vários momentos específicos da vida de Raquel. Lê-los é como ler diretamente os pensamentos que ela guarda acerca deles. Lê-los é folhear um diário.
Inseguranças, expectativas, paixões, ingenuidades... transições. Em vários textos há essa vida acontecendo e o sentimento de que temos que seguir junto, independente de preparo, seguir para as aventuras prometidas, como sair do conforto do lar para estudar em outra cidade, e ver o que acontece, se o brilho permanece, que sensações novas e/ou conhecidas surgirão. [...] Minhas Palavras é um livro leve e corriqueiro, para as instâncias de transição, para minutos de espera, to stop and stare (diria o One Republic).


100 cartas de uma saudade
Ricardo Tagliaferro (parceiro <3)
Editora Autografia
Resenha completa aqui

A proposta do livro é muito interessante, em conhecer o personagem por meio das cartas que ele escreve. No entanto, achei o personagem tão fraco que não fiquei comovida pela história dele. Pelo contrário, pensei: “Bem feito, ninguém mandou ser trouxa”. [... ]Esse livro com certeza não foi feito para ser amado por todos, mas para nos mostrar que o amor nem sempre é perfeito. O amor dói, o amor machuca, o amor é estranho, mas ainda assim é amor.


Recorte!
Talita Guimarães
Pod Editora
Resenha completa aqui
com direito a music trip <333

Para o leitor, é entregue pouco mais de 90 textos para serem lidos dose a dose. A cada pausa, dez, quinze, vinte folhas; a imersão é de vários mergulhos. O toque singelo que perpassa as páginas simplesmente me ganhou. E as percepções, claro, o olhar míope, aquele embaçado, mas imaginativo, deslumbrado e satisfeito. Talita transita pelo sensorial de maneira magnífica; é um puro exercício de contemplação. Senão, de resgate. E não só de beleza vive o mundo. Os não-recortes transitam agridoces.
[...] Recorte! é, por fim, um bom companheiro de busão, metrô e outros transportes urbanos, lugares que você pode sentar, folhear e ler a vontade enquanto a vida corre solta. Pra mim foi uma das melhores leituras do ano.

O anel de Nibelungo
Gabriel Lacerda
Edições de Janeiro
Resenha completa aqui

Gabriel Lacerda pegou uma aventura tão antiga e com habilidade recontou com a maestria de um avô colocando seus netos para sonhar com aventuras tão fantásticas quanto a desse livro. De leitura leve para um mito tão complexo e rico em ilustrações que inspiraram até os maiores autores de fantasia, com certeza é um que vale à pena ser lido pelos fãs da fantasia.
As ilustrações são de Arthur Rackham, um artista espetacular que influenciou gerações com sua forma de retratar mitos, lendas e contos de fadas. Só como exemplo, suas ilustrações podem ser encontradas em versões históricas dos livros dos Irmãos Grimm, Andersen e até mesmo Allan Poe.


Veja outras retrospectivas aqui

Um comentário :

  1. Você está em dificuldades financeiras? Você precisa de um empréstimo para limpar seus débitos? Se você quiser aumentar suas finanças? Você é um empresário que quer his / expandir seu negócio. Aqui você deve entrar em contato com um verdadeiro herói, confiantes e eficazes empréstimos de crédito credor. Eu aprendi o indivíduo e o governo um alto retorno para nós.

    Os serviços incluem:
    * Empréstimos pessoais (Secure e quirografários)
    * Empréstimos de negócio (Secure e quirografários)
    * renovação
    * Empréstimos Inventor
    * Auto empréstimos
    etc ..
    Por favor, volte para nós, se você estiver interessado, via: ramzanhelp31@gmail.com

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante para nós! Pode parecer clichê, mas não é. Queremos muito saber o que achou do post, por isso deixe um comentário!

Além de nos dar um feedback sobre o conteúdo, contribui para melhorarmos sempre! ;D

Quer entrar em contato conosco? Nosso email é dear.book@hotmail.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Layout de Giovana Joris